Mikel Azcona aproveitou “desavença” e venceu

Piloto espanhol aproveitou do “desaguisado” entre Norbert Michelisz e Atilla Tassi para assumir o topo da classificação da segunda corrida de WTCR no circuito de Pau, e logo na sua estreia pela sul-coreana Hyundai.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Os húngaros Norbert Michelisz (Hyundai Elantra N) e Atilla Tassi (Honda Civic) partilhavam a primeira linha da grelha para a segunda corrida do primeiro dia do WTCR, com o primeiro, que largou da “pole”, na tentativa de defender o primeiro lugar, a “apertar” o seu compatriota contra os “rails”.

Os dois carros tocaram-se e quase bloquearam a pista, obrigando à entrada em acção do “Safety Car”, que saiu da pista na quarta volta. Enquanto os dois pilotos húngaros se dirigiam às “boxes”, de onde Norbert Michelisz já não saiu, Mikel Azcona (Hyundai Elantra N) aproveitava a confusão para chegar ao primeiro lugar, “fugir” aos adversários e garantir a vitória.

O piloto espanhol ficou à frente do uruguaio Santiago Urrutia (Lynk & Co 03) e do chinês Ma Qinghua (Lynk & Co 03), depois de uma corrida, onde as diferenças depressa se acentuaram transformando-a num comboio de carros, sem que ninguém tivesse condições para tentar ganhar lugares.

O português Tiago Monteiro (Honda Civic Type R TCR), da Engstler Motorsport, aproveitou a confusão inicial para subir de 15.º para 11.º. O piloto portuense ganharia, ainda, mais um lugar, quando o francês Yann Erhlacher (Lynk & Co 03) foi forçado a ir à “box”, em consequência de um furo, para regressar à pista e ir buscar o derradeiro ponto.

Fruto da vitória na primeira corrida e do sétimo lugar alcançado na segunda, o argentino Nestor Girolami (Honda Civic) sai do traçado citadino de Pau no comando do campeonato, com 49 pontos, com ESteban Guerrieri e Mikel Azcona empatados em segundo lugar, sete pontos atrás.

CLASSIFICAÇÕES

CORRIDA – 1.º Mikel Azcona (Hyundai Elantra N), 21 voltas (57,960 km), em 31’55,170” (122,1 km/h); 2.º, Santiago Urrutia (Lynk & Co 03), a 3,876”; 3.º, Ma Qinghua (Lynk & Co 03), a 4,378”; 4.º, Nathaniel Berthon (Audi RS3 LMS), a 6’563; 5.º, Esteban Guerrieri (Honda Civic), a 7,679”; 6.º, Yvan Muller (Lynk & Co 03), a 8,406”; 7.º, Nestor Girolami (Honda Civic), a 9,168”; 8.º, Robert Huff (Cupra Leon Competition), a 9,455”; 9.º, Thed Bjork (Lynk & Co 03), a 10,147”; 10.º, Tiago Monteiro (Honda Civic), a 12,235”. Classificaram-se mais cinco pilotos

CAMPEONATOS

PILOTOS – 1.º, Nestor Girolami, 49; 2.º, Esteban Guerrieri, 42; 3.º, Mikel Azcona, 41; 4.º, Santiago Urrutia, 30; 5.º, Ma Qinghua, 30; 6.º, Yvan Muller, 29; 7.º, Nathanael Brethon, 20; 8.º, Yann Erhlacher, 18; 9.º, Robert Huff, 12; 10.º, Gilles Magnus, 10; …; 12.º, Tiago Monteiro, 8. Estão classificados mais seis pilotos.

EQUIPAS – 1.º, ALL-INKL.COM Muennich Motorsport, 91; 2.º, BRC Hyundai R Squadra Corse, 48; 3.º, Cyan Racing Lynk & Co, 47; 4.º, Cyan Performance Lynk & Co, 37; 5.º, Comtoyou DHL Team Audi Sport, 29; 6.º, Zengo Motorsport Services Kft, 20; 7.º, Comtoyou Team Audi Sport, 16; 8.º, Liqui Molly Team Engslter, 11

Próxima prova – Circuito do Nordschleif, em Nürburgring, de 26 a 28 de Maio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.