Miguel Oliveira: superar 8.º lugar da Áustria

Depois de ter conseguido a melhor classificação da temporada na ronda anterior, na Áustria, com um oitavo lugar, o piloto almadense espera que os progressos evidenciados com a nova mota, agora totalmente de fábrica, se tornem mais consistentes.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Enquanto a Finlândia já dispõe de um traçado, KymiRing, para receber o Campeonato do Mundo de Motociclismo, o que acontecerá no próximo ano, a temporada prossegue, este fim-de-semana, no traçado inglês de Silverstone, palco da 12.ª das 19 provas que integram o calendário.

Moralizado pelo oitavo lugar alcançado no Red Bull Ring, o melhor da temporada, onde foi o primeiro entre os pilotos da KTM, o português Miguel Oliveira (KTM) chega a Silverstone consciente da sua cada vez maior adaptação à competição e convicto que a evolução que tem revelado lhe vai permitir alcançar melhores resultados.

Vencedor de seis das 11 corridas efectuada, cinco vezes segundo e só com um resultado em branco (Austin, onde caiu), o espanhol Marc Marquez (Honda) arranca para a corrida inglesa com 58 pontos de avanço sobre o italiano Andrea Dovizioso (Ducati), vencedor da corrida anterior, desejoso de aproximar-se do espanhol para poder continuar a lutar por um título que parece cada vez mais nas mãos do espanhol.

Tal como em MotoGP, também em Moto2, o título parece estar entregue a outro espanhol, Alex Marquez (Kalex), irmão de Marc Marquez, que dispõe de 43 pontos de vantagem sobre o suíço Thomas Luthi (Kalex), com o espanhol a construir a posição de comandante ao vencer cinco das sete últimas corridas e esmagar a concorrência que não parece ter condições para colocar em causa a sua superioridade.

Ao contrário do que sucede nas categorias superiores, em Moto3, o equilíbrio é a nota dominante com o italiano Lorenzo Dalla Porta (Honda) entra no traçado inglês com um ponto de avanço sobre o espanhol Aron Canet (KTM), tudo apontando para que a discussão do título seja travada entre os dois, uma vez que o terceiro, o italiano Tony Arbolino (Honda) está já a 42 pontos do seu compatriota.

CLASSIFICAÇÕES DOS CAMPEONATOS

PILOTOS

MOTOGP – 1.º, Marc Marquez, 230 pontos; 2.º, Andrea Dovizioso, 172; 3.º, Danilo Petrucci, 136; 4.º, Alex Rins, 124; 5.º, Valentino Rossi, 103; 6.º, Maverick Viñales, 102; 7.º, Fábio Quartararo, 92; 8.º, Jack Miller, 86; 9.º, Cal Crutchlow, 78; 10.º, Takaaki Magamami, 62; …; 15.º, Miguel Oliveira, 26. Estão classificados mais 10 pilotos

MOTO2 – 1.º, Alex Marquez, 181 pontos; 2.º, Thomas Luthi, 138; 3.º, Jorge Navarro, 126; 4.º, Augusto Fernandez, 121; 5.º, Lorenzo Baldassarri, 115; 6.º, Marcel Schrotter, 114; 7.º, Brad Binder, 109; 8.º, Luca Marini, 101; 9.º, Enea Bastianini, 74; 10.º, Fabio Di Giannantonio, 59. Estão classificados mais 20 pilotos.

MOTO3 – 1.º, Lorenzo Dalla Porta, 155 pontos; 2.º Aron Canet, 154; 3.º, Toby Arbolino, 113; 4.º, Niccolò Antonelli, 105; 5.º, Marcos Ramirez, 89; 6.º, John McPhee, 84; 7.º, Celestino Vietti, 81; 8.º, Jaume Masia, 78; 9.º, Romano Fenati, 67; 10.º, Jakub Kornfeil, 67. Estão classificados mais 19 pilotos.

CONSTRUTORES

MOTOGP – 1.º, Honda 236 pontos; 2.º, Ducati, 202; 3.º, Yamaha, 179;

4.º, Suzuki, 141; 5.º, KTM, 69; 6.º, Aprilia, 47

MOTO2 – 1.º, Kalex, 270 pontos; 2.º, Speed Up, 148; 3.º, KTM, 119; 4.º, MV Augusta, 15, 5.º, NTS, 8

MOTO3 – 1.º, Honda, 249 pontos; 2.º, KTM, 204

EQUIPAS

MOTOGP – 1.º, Ducati Team, 308 pontos; 2.º, Repsol Honda Team, 259; 3.º, Monster Energy Yamaha, 205; 4.º, Team Suzuki Ecstar, 163; 5.º, Petronas Yamaha SRT, 150; 6.º, LCR Honda, 140; 7.º, Pramac Racing, 110; 8.º, Red Bull KTM Factory Racing, 83; 9.º, Aprilia Racing Team Gresini, 54; 10.º, Red Bull KTM Tech3, 29; 11.º, Real Avintia Racing, 18

MOTO2 – 1.º, Dynavolt Intact GP, 252 pontos; 2.º, Flexbox HP40, 249; 3.º, EG 0,0 Marc VDS, 220; 4.º, Beta Tools Speed Up, 185; 5.º, Red Bull KTM Ajo, 131; 6.º, SKY Racing Team VR46, 129; 7.º, Italtrans Racing Team, 112; 8.º, ONEVOX TKKR SAG Team, 96; 9.º, American Racing KTM, 45; 10.º, Federal Oil Gresini Moto2, 38; 11.º, MV Augusta Idealavoro, 22; 12.º, Tasca Racing Scuderia, 16; 13.º, Idemitsu Honda Team Asia, 11; 14.º, Red Bull KTM Tech3, 10; 15.º, NTS RW Racing GP, 9; 16.º, Petronas Sprinta Racing, 8; 17.º, Sama Qatar Angel Nieto Team, 4; 18.º, Kiefer Racing, 3

MOTO3 – 1.º, Leopard Racing, 244 pontos; 2.º, VNE Snipers, 180; 3.º, Sterilgarda Max Racing Team, 154; 4.º, SIC58 Squadra Corse, 144;

5.º, Bester Capital Dubai, 127; 6.º, Sky Racing Team VR46, 127; 7.º, Petronas Sprinta Racing, 102; 8.º, Honda Team Asia, 111; 9.º, Sama Qatar Angel Nieto Team, 80; 10.º, Redox PruestelGP, 73; 11.º, Kommerling Gresini Moto, 50; 12.º, Estrela Galicia 0.0, 42; 13.º, CIP Green Power, 42; 14.º, Boe Skull Rider Mugen, 30; 15.º, Red Bull KTM Ajo, 4

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação