Miguel Oliveira: segundo KTM mais rápido

Piloto português averbou o 12.º melhor registo na terceira sessão de treinos livres para o Grande Prémio da Áustria de MotoGP, 11.ª prova da temporada que se disputa no Red Bull Ring, em Spielberg, “casa” da laranja KTM.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Apesar de ter melhorado o seu tempo, na terceira sessão de treinos livres, o português Miguel Oliveira (KTM) saiu, pela primeira vez, este fim-de-semana, do “top ten” do MotoGP, ao averbar o 12.º tempo na terceira sessão de treinos livres, que voltou a ter no topo da tabela de tempos os espanhóis Marc Marquez (Honda) e Maverick Viñales (Yamaha).

Atrás dos dois espanhóis ficaram os italianos Andrea Dovizioso (Ducati) e Danilo Petrucci (Ducati), que fizeram o mesmo tempo, com Miguel Oliveira a ficar dois lugares atrás do espanhol Pol Espargaro (KTM), que foi o mais rápido dos pilotos da marca austríaca, e duas posições à frente do francês Johann Zarco (KTM), os dois pilotos da equipa oficial.

Tal como em Moto3, também em Moto2, a KTM foi desalojada do topo da tabela de tempos, com o melhor dos pilotos da marca austríaca, o sul-africano Brad Binder, a ficar no 13.º lugar, com a Kalex a dominar de forma clara, com o italiano Mattia Pasini a ser o mais rápido, à frente do espanhol Alex Marquez e do seu compatriota Enea Bastianini.

Mais rápida nas duas primeiras sessões de treinos livres, a KTM foi dominada pela Honda na terceira sessão, com os pilotos da marca japonesa a ocuparem os seis primeiros lugares da tabela de tempos, com o italiano Celestino Vietti (KTM), em sétimo, a ser o mais rápido dos pilotos da marca da casa.

O seu compatriota Tony Arbolino (Honda) registou o melhor tempo, foi o único a chegar ao segundo “35” e bateu o inglês John McPhee (Honda) por mais de meio segundo, com outro italiano, Lorenza Dalla Porta (Honda) a registar o terceiro tempo.

MELHORES TEMPOS DOS TREINOS LIVRES

MOTOGP – Marc Marquez (Honda), 1’23,251”; Maverick Viñales (Yamaha), 1’23,591”; Andrea Dovizioso (Ducati), 1’23,593”; Danilo Petrucci (Ducati), 1’23,593”; Fábio Quartararo (Yamaha), 1’23,637”; Valentino Rossi (Yamaha), 1’23,702”; Jack Miller (Ducati), 1’23,749”; Takaaki Nakagami (Honda), 1’23,764; Alex Rins (Suzuki), 1’23,974; Pol Espargaro (KTM), 1’24,016”; …; Miguel Oliveira (KTM), 1’24,095”. Treinaram mais nove pilotos.

MOTO2 – Mattia Pasini (Kalex), 1’28,811”; Alex Marquez (Kalex), 1’28,919”; Enea Bastianini (Kalex), 1’28,949”; Xavi Vierge (Kalex), 1’28,986”; Thomas Luthi (Klaex), 1’28,988”; Marcel Schrotter (Kalex), 1’29,032”; Jorge Martin (KTM), 1’29,054; Augusto Fernandez (Kalex), 1’29,081”; Tetsuta Nagashima (Kalex), 1’29,083”; Lorenzo Baldassarri (Kalex), 1’29,094. Treinaram mais 22 pilotos

MOTO3 – Tony Arbolino (Honda), 1’35,778”; John McPhee (Honda), 1’36,298”; Lorenzo Dalla Porta (Honda), 1’36,345”; Marcos Ramirez (Honda), 1’36,353”; Niccolò Antonelli (Honda), 1’36,414”; Ai Ogura (Honda), 1’36,471”; Celestino Vietti (KTM), 1’36,497”; Kaito Toba (Honda), 1’36,579”; Aron Canet (KTM); 1’36,655”; Makar Yurchenko (KTM), 1’36,660”. Treinaram mais 21 pilotos.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação