Miguel Oliveira o terceiro do dia

O piloto português terminou hoje o primeiro dia de treinos livres para o Grande Prémio da República Checa de MotoGP com o terceiro melhor tempo.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Excelente segunda sessão de treinos livres de Miguel Oliveira (KTM), que ascendeu ao terceiro lugar da hierarquia, a melhor posição, em treinos livres das motos da Tech3, atrás das duas Yamaha oficiais, do francês Fabio Quartararo (Yamaha), dominador em Jerez de la Frontera, e do italiano Franco Morbidelli (Yamaha).

Ao contrário do que sucedeu na segunda sessão de Moto3, todos os pilotos de MotoGP melhoraram o tempo feito de manhã, com excepção do italiano Francesco Bagnaia (Ducati), que vai ficar de fora da corrida checa, por ter fracturado o joelho direito em consequência de uma queda na sessão matinal.

Apesar de ter sido o mais rápido, em Moto2, na segunda sessão, o italiano Enea Bastianini (Kalex) acabou por ficar com o segundo tempo do dia, ao não conseguir superar o tempo (2’02,480”) alcançado pelo inglês Sam Lowes (Kalex), segundo na sessão da tarde e a mostrar uma excelente adaptação ao traçado checo.

Situação semelhante aconteceu entre os envolvidos no campeonato de Moto3, com o espanhol Raul Fernandez (KTM) a ser o mais rápido na sessão da tarde e a manter a terceira posição alcançada na sessão de abertura, uma vez que, da parte da tarde, a maior parte dos pilotos piorou o tempo feito de manhã, como sucedeu com o espanhol.

Assim sendo, o argentino Gabriel Rodrigo (Honda), oitavo na segunda sessão, foi o mais rápido do dia, à frente do japonês Kaito Toba (KTM) e de Raul Fernandez, com outro espanhol, Jaume Masia (Honda), segundo da parte da tarde, a registar o quinto tempo do dia, atrás ainda do italiano Dennis Foggia (Honda), quarto na sessão matinal.

MELHORES TEMPOS

MotoGP – Fabio Quartararo (Yamaha), 1’56,502”; Franco Morbielli (Yamaha), 1’56,509”; Miguel Oliveira (KTM), 1’56,550”; Johann Zarco (Ducati), 1’56,583”; Maverick Viñales (Yamaha) 1’56,668”; Joan Mir (Suzuki), 1’56,876”; Aleix Espargaro (Aprilia), 1’57,041”; Pol Espargaro (KTM), 1’57,059”; Takaaki Nakagami (Honda), 1’57,073”; Jack Miller (Ducati), 1’57,109”. Treinaram mais 11 pilotos.

Moto2 – Enea Bastianini (Kalex), 2’02,689”; Sam Lowes (Kalex), 2’02,722”; Luca Marini (Kalex), 2’02,283”; Jorge Navarro (Speed Up), 2’02,823”; Joe Roberts (Kalex), 2’02,825”; Fabio Di Giannantonio (Speed Up), a 2’02,930”; Marco Bezzecchi (Kalex), a 2’03,010”; Remy Gardner (Kalex), 2’03,137”; Stefano Manzi (MV Agusta), 2’03,139”; Lorenzo Baldassarri (Kalex), 2’03,191”. Treinaram mais 20 pilotos.

Moto3 – Raul Fernandez (KTM), 2’09,097”; Jaume Masia (Honda), 2’09,364”; Romano Fenati (Husqvarna), 2’09,655”; John McPhee (Honda), 2’09,663”; Sergio Garcia (Honda), 2’09,698”; Dennis Foggia (Honda), 2’09,735”; Tony Arbolino (Honda), 2’09,800”; Gabriel Rodrigo (Honda), 2’09,818”; Tatsuki Suzuki (Honda), 2’09,824”; Jeremy Alcobia (Honda), 2’09,861”. Treinaram mais 21 pilotos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: