Miguel Oliveira na última linha em Espanha

Piloto português da KTM vai partir do 22.º lugar da grelha para o Grande Prémio de Espanha de MotoGP, quarta prova do campeonato, que se disputa este domingo em Jerez de la Frontera. O italiano Fabio Quartararo (Yamaha) conseguiu a primeira “pole position” da sua carreira.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

O português Miguel Oliveira (KTM) vai partir da derradeira linha da grelha de partida, para a quinta corrida da temporada, a sua pior qualificação até ao momento, suplantando, apenas, o malaio Hafizh Syahrin (KTM) e o italiano Andrea Iannone (Aprilia).

Mau começo para o “motard” português que não esconde que vai ter de enfrentar uma corrida difícil em que tem de recuperar posições para terminar nos pontos, que é o seu principal objectivo.

Em contrapartida o italiano Fabio Quartararo (Yamaha), com 20 anos e 14 dias, tornou-se no mais jovem piloto a garantir a “pole position” para uma corrida de MotoGP, curiosamente, quatro anos depois de ter alcançado a primeira “pole” da carreira neste mesmo traçado.

O seu compatriota e colega de equipa, Franco Morbidelli, garantiu a segunda posição, o que coloca duas motos da marca dos três diapasões nas duas primeiras posições, à frente do ídolo local, Marc Marquez (Honda), que teve de ceder face à melhor adaptação dos pilotos transalpinos ao circuito andaluz.

Em Moto2, surpresa na “pole” alcançada pelo espanhol Jorge Navarro (Speed Up), a primeira do piloto numa categoria que tem sido dominada pela Kalex, cujos pilotos Alex Marquez e Augusto Fernandez contribuem para uma linha de pilotos da casa.

A exemplo do que sucedeu nas categorias superiores, também em Moto3, há uma estreia na primeira posição da grelha, na circunstância o italiano Lorzenzo Dalla Porta (Honda) que bateu o japonês Tatsuki Suzuki (Honda), por 0,004”, com o italiano Celestino Vietti (KTM) a completar a primeira linha, naquela que é a melhor qualificação da sua carreira.

 

GRELHAS DE PARTIDA

MOTOGP – 1.ª linha: Fabio Quartararo (Yamaha), 1’36,880”; Franco Morbidelli (Yamaha), 1’36,962”; Marc Marquez (Honda), 1’36,970”; 2.ª linha: Andrea Dovizioso (Ducati), 1’37,018”; Maverick Viñales (Yamaha), 1’37,114”; Cal Crutchlow (Honda), 1’37,175”; 3.ª linha: Danilo Petrucci (Ducati), 1’37,209”; Takaaki Nakagami (Honda), 1’37,332”; Alex Rins (Suzuki), 1’37,351”; …; 8.ª linha: Miguel Oliveira (KTM), 1’38,894”; Hafizh Syahrin (KTM), 1’40,042; Andrea Iannone (Aprilia), 1’38,327”.

MOTO2 – 1.ª linha: Jorge Navarro (Speed Up), 1’41,182; Alex Marquez (Kalex), 1’41,273”; Augusto Fernandez (Kalex), 1’41,323”; 2.ª linha: Remy Gardner (Kalex), 1’41,366”; Niccolò Bulega (Kalex), 1’41,393; Lorenzo Baldassarri (Kalex), 1’41,450”; 3.ª linha: Fabio Di Giannantonio (Speed Up), 1’41,451”; Thomas Luthi (Kalex), 1’41,858”; Tetsuta Nagashima (Kalex), 1’41,460”. Alinham mais 22 pilotos.

MOTO3 – 1.ª linha: Lorenzo Dalla Porta (Honda), 1’46,011”; Tatsuki Suzuki (Honda), 1’46,015”; Celestino Vietti (KTM), 1’46,195”; 2.ª linha: Niccolò Antonelli (Honda), 1’46,232”; Dennis Foggia (KTM), 1’46,356; Gabriel Rodrigo (Honda), 1’46,425”; 3.ª linha: Aron Canet (KTM), 1’46,441”; Marcos Ramirez (Honda), 1’46,472”; Albert Arenas (KTM), 1046,498”. Alinham mais 22 pilotos.

 

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação