Miguel Oliveira melhora “performance” no Qatar

Apesar de ter melhorado o seu tempo, na segunda sessão de treinos livres de MotoGP para o GP do Qatar, o português Miguel Oliveira (KTM) não foi além do 20.º lugar, atrás dos dois pilotos da equipa oficial da marca austríaca.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

A primeira prova do ano está a ser difícil para os homens da KTM, com o melhor, o espanhol Pol Espargaro a ser 16.º e o francês Johann Zarco 18.º, com o italiano Valentino Rossi (Yamaha), que tinha sido o mais rápido na primeira sessão, a separá-los, o que diz bem das dificuldades que os técnicos das duas equipas que correm com as motos da marca em encontrarem as afinações ideais para o traçado de Losail, onde o asfalto vai arrefecendo à medida que a noite cai.

É que se a primeira sessão decorreu com a luz do dia e o espanhol foi 12.º, na segunda, já com o sol posto, as motos austríacas “andaram para trás”. Em contrapartida, o campeão do mundo, o espanhol Marc Marquez (Honda), fez o melhor tempo de sempre no traçado qatari, à frente do seu compatriota Maverick Viñales (Yamaha) e do australiano Jack Miller (Ducati).

Em Moto2, o melhor tempo na segunda sessão de treinos livres pertenceu ao italiano Lorenzo Baldssarri (Kalex) que suplantou o alemão Marcel Schrotter (Kalex) que tinha ocupado o topo da tabela de tempos na primeira, com o australiano Remy Gardner (Kalex) a registar a terceira marca.

O espanhol Aaron Canet (KTM) foi o mais rápido na segunda sessão de treinos livres de Moto3 e único a chegar ao segundo “4”, fazendo o melhor tempo de sempre da categoria.

Mais rápido na primeira sessão, o italiano Romano Fenati (Honda) fez o segundo tempo da sessão, à frente do italiano Niccolò Antonelli (Honda) que completou o lote dos três mais rápidos.

TEMPOS DA SEGUNDA SESSÃO DE TREINOS LIVRES

MOTOGP

Marc Marquez (Honda), 1m53,380s; Maverick Viñales (Yamaha), 1’53,854”; Jack Miller (Ducati), 1’53,908; Danilo Petrucci (Ducati), 1’54,053”; Fábio Quartararo (Yamaha), 1’54,154”; Andrea Dovizioso (Ducati), 1’54,256”; Franco Morbidelli (Yamaha), 1’54,275”; Alex Rins (Suzuki), 1’54,320”; Aleix Espargaro (Aprilia), 1’54,367”; Joan Mir (Suzuki), 1’54,402”; …; Miguel Oliveira (KTM), 1’55,635”. Treinaram mais três pilotos

MOTO2

Lorenzo Baldassarri (Kalex), 1m58,365s; Marcel Schrotter (Kalex), 1’58,869”; Remy Gardner (Kalex), 1’58,899”; Sam Lowes (Kalex), 1’58,954”; Alex Marquez (Kalex), 1’58,964”; Jorge Navarro (Speed Up), 1’59,036”; Andrea Locatelli (Kalex), 1’59,054”; Enea Bastianini (Kalex), 1’59,111”. Treinaram mais 22 pilotos.

MOTO3

Aaron Canet (KTM), 2m04,561s; Romano Fenati (Honda), 2’05,156; Niccolò Antonelli (Honda), 2’05,240”; Andrea Migno (KTM), 2’05,375”; Gabriel Rodrigo (Honda), 2’05,385”; Jakub Kornfeil (KTM), 2’05,475”; Lorenzo Dalla Porta (Honda), 2’05,480”; Tony Arbolino (Honda), 2’05,490”; Kazuki Masaki (KTM), 2’05,522; Albert Arenas (KTM), 2’05,523. Treinaram mais 19 pilotos.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação