Miguel Oliveira: “Estamos no bom caminho”

Piloto português quer «fazer boa figura em frente aos patrões» que vão estar a assistir ao Grande Prémio da Áustria de MotoGP, na casa da marca que faz alinhar o almadense na Tech3.

(auto.look2010@gmail.com)

O piloto português Miguel Oliveira (KTM) chega a esta 11.ª prova do calendário na 18.ª posição, com os mesmos 18 pontos do 17.º, o francês Johann Zarco, da equipa de fábrica da KTM, e depois de um 13.º lugar no GP da República Checa, no domingo passado.

Agora, o objectivo do português passa por ter uma boa prestação: «É muito bom ter uma espécie de GP caseiro para todos os parceiros, especialmente a KTM e a Red Bull. É, definitivamente, uma corrida onde queremos fazer boa figura, até por ser o público caseiro e todos os “grandes chefes” estarem lá para nos ver», disse o piloto da equipa Tech3, a formação satélite da KTM.

Por outro lado, Miguel Oliveira considera que «é apenas mais um fim-de-semana de corridas», no qual tem de «trabalhar no duro para ter uma boa prestação». «Estamos no bom caminho com a nossa mota e queremos continuar assim», concluiu o piloto de Almada, em declarações reproduzidas pela assessoria de imprensa da equipa francesa.

O francês Hervé Poncharal, dono da Tech3, admitiu que Miguel Oliveira «gostou bastante das novas peças «testadas na segunda-feira, em Brno, na República Checa, e que «já tinham sido usadas pelos pilotos de fábrica», e que «este, mais do que qualquer outro, é o local onde a equipa quer brilhar».

O GP da Áustria disputa-se no Red Bull Ring, em Spielberg, que tem apenas nove curvas, sete delas à direita. Na sexta-feira disputam-se duas sessões de treinos livres, a qualificação no sábado e a corrida no domingo.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação