Miguel Oliveira em busca de mais pontos

Após quase um mês de férias, a última corrida teve lugar a 7 de Julho, no traçado alemão de Sachsenring, o Campeonato do Mundo de Motociclismo está de volta à acção, no circuito checo de Brno, para o Grande Prémio da República Checa, para aquela que é a prova que assinala o meio da temporada.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Vencedor de cinco das nove corridas efectuadas, o espanhol Marc Marquez (Honda) sabe que, mesmo que saia em branco do traçado checo, manterá o comando do campeonato face aos 58 pontos de vantagem que tem sobre o italiano Andrea Dovizioso (Ducati), que foi o primeiro comandante da temporada, em consequência da vitória no Qatar.

O espanhol Alex Rins (Suzuki), nos Estados Unidos, o italiano Danilo Petrucci (Ducati), em Itália, e o espanhol Maverick Vinãles (Yamaha), a Holanda, completam o lote de pilotos, que já subiu ao lugar mais alto do pódio este ano.

O português Miguel Oliveira (KTM) é 15.º a um escasso ponto do francês Johann Zarco (KTM), piloto da equipa oficial, tendo um 11.º lugar na Argentina, a segunda prova do ano, como melhor resultado, com o “motard” a não esconder a convicção de ter uma segunda parte da temporada melhor, em termo de resultados, como consequência das alterações introduzidas na moto austriaca.

Em Moto2, o espanhol Alex Marquez (Kalex), vencedor de quatro das últimas cinco corridas, chega a Brno com oito pontos de avanço sobre o suíço Thomas Luthi (Kalex), que tem sido o seu mais directo opositor, face ao descalabro que tem sido a temporada do italiano Lorenzo Baldassarri (Kalex), que depois de ter vencido três das quatro corridas iniciais, tem apenas mais duas pontuações e caiu de primeiro para quarto do campeonato, já a 39 pontos do espanhol.

Mais emoção em Moto3, onde o italiano Lorenzo Dalla Porta (Honda) tem mais dois pontos que Aron Canet (KTM), graças à regularidade que tem exibido, com o italiano Tony Arbolino (Honda) a ser o único com dois triunfos (Itália e Holanda).

 

CLASSIFICAÇÕES DOS CAMPEONATOS

PILOTOS

MOTOGP – 1.º, Marc Marquez, 185 pontos; 2.º, Andrea Dovizioso, 127; 3.º, Danilo Petrucci, 121; 4.º, Alex Rins, 101; 5.º, Maverick Viñales, 85; 6.º, Valentino Rossi, 80; 7.º, Jack Miller, 70; 8.º, Fábio Quartararo, 67; 9.º, Cal Crutchlow, 67; 10.º, Pol Espargaro, 56; …; 18.º, Miguel Oliveira, 15. Estão classificados mais sete pilotos

MOTO2 – 1.º, Alex Marquez, 136 pontos; 2.º, Thomas Luthi, 128; 3.º, Augusto Fernandez, 102; 4.º, Lorenzo Baldassarri, 97; 5.º, Jorge Navarro, 97; 6.º, Marcel Schrotter, 97; 7.º, Luca Marini, 90; 8.º, Brad Binder, 84; 9.º, Enea Bastianini, 58; 10.º, Tetsuta Nagashima, 45. Estão classificados mais 20 pilotos.

MOTO3 – 1.º, Lorenzo Dalla Porta, 125 pontos; 2.º Aron Canet, 123; 3.º, Niccolò Antonelli, 87; 4.º, Marcos Ramirez, 78; 5.º, Toby Arbolino, 77; 6.º, John McPhee, 68; 7.º, Celestino Vietti, 68; 8.º, Jaume Masia, 65; 9.º, Jakub Kornfeil, 52; 10.º, Kaito Toba, 51. Estão classificados mais 19 pilotos.

CONSTRUTORES

MOTOGP – 1.º, Honda 191 pontos; 2.º, Ducati, 157; 3.º, Yamaha, 153;

4.º, Suzuki, 118; 5.º, KTM, 56; 6.º, Aprilia, 45

MOTO2 – 1.º, Kalex, 225 pontos; 2.º, Speed Up, 112; 3.º, KTM, 88; 4.º, MV Augusta, 15, 5.º, NTS, 7;

MOTO3 – 1.º, HONDA, 204 PONTOS; 2.º, KTM, 186

EQUIPAS

MOTOGP – 1.º, Ducati Team, 248 pontos; 2.º, Repsol Honda Team, 210; 3.º, Monster Energy Yamaha, 165; 4.º, Team Suzuki Ecstar, 140; 5.º, Petronas Yamaha SRT, 119; 6.º, LCR Honda, 117; 7.º, Pramac Racing, 81; 8.º, Red Bull KTM Factory Racing, 72; 9.º, Aprilia Racing Team Gresini, 52; 10.º, Red Bull KTM Tech3, 18; 11.º, Real Avintia Racing, 17

MOTO2 – 1.º, Dynavolt Intact GP, 225 pontos; 2.º, Flexbox HP40, 212; 3.º, EG 0,0 Marc VDS, 175; 4.º, HDRConveyors Speed Up, 134; 5.º, SKY Racing Team VR46, 106; 6.º, Red Bull KTM Ajo, 94; 7.º, ONEVOX TKKR SAG Team, 89; 6.º, Italtrans Racing Team, 89; 9.º, Federal Oil Gresini Moto2, 38; 10.º, American Racing KTM, 31; 11.º, MV Augusta Idealavoro, 22; 12.º, Tasca Racing Scuderia, 10; 13.º, Petronas Sprinta Racing, 8; 14.º, NTS RW Racing GP, 8; 15.º, Red Bull KTM Tech3, 6; 16.º, Idemitsu Honda Team Asia, 6; 17.º, Sama Qatar Angel Nieto Team, 4; 18.º, Kiefer Racing, 3

MOTO3 – 1.º, Leopard Racing, 203 pontos; 2.º, SIC58 Squadra Corse, 126; 3.º, Sterilgarda Max Racing Team, 123; 4.º, VNE Snipers, 111; 5.º, Sky Racing Team VR46, 111; 6.º, Bester Capital Dubai, 105; 7.º, Petronas Sprinta Racing, 97; 8.º, Honda Team Asia, 97; 9.º, Sama Qatar Angel Nieto Team, 71; 10.º, Redox PruestelGP, 58; 11.º, Kommerling Gresini Moto, 50; 12.º, Estrela Galicia 0.0, 42; 13.º, CIP Green Power, 35; 14.º, Boe Skull Rider Mugen, 15; 15.º, Red Bull KTM Ajo, 2

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação