Miguel Oliveira é 3.º e lutar pela “pole”

O piloto português parece ter resolvido os problemas que o atrasaram na sexta-feira. O piloto português fez o terceiro melhor registo na terceira sessão de treinos livres do Grande Prémio da Catalunha, na manhã deste sábado, e entrou assim na Qualificação que vai determinar quem sai da “pole position”.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Décimo sétimo no conjunto das duas sessões de treinos livres de ontem, o português Miguel Oliveira (KTM) voltou a ser, tal como sucedera na véspera da primeira sessão, o melhor dos pilotos da marca austríaca, atrás do francês Fabio Quartararo (Yamaha) e ao espanhol Maverick Viñales (Yamaha), tendo ficado a 0,089” do tempo do francês, o que é uma boa indicação para a qualificação.

Entretanto o italiano Valentino Rossi (Yamaha) confirmou aquilo que corria nos bastidores da competição ao anunciar, oficialmente, a permanência na marca dos três diapasões no próximo ano.

Em Moto2, o inglês Sam Lowes (Kalex), que tinha sido o mais rápido, na primeira sessão de ontem, voltou ao topo da tabela de tempos, desta feita à frente do espanhol Marcos Ramirez (Kalex) e do comandante do campeonato, o italiano Luca Marini (Kalex)

O italiano Tony Arbolino (Honda) foi o mais rápido entre os pilotos de Moto3 superiorizando-se ao seu compatriota Romano Fenati (Husqvarna) e o espanhol Jaume Masia (Honda), com outro espanhol Raul Fernandez (KTM) a perder uma posição entre os três mais rápidos em consequência de uma queda, quando lutava pelo melhor tempo.

MELHORES TEMPOS

MotoGP – Fabio Quartararo (Yamaha), 1’39,418”; Maverick Viñales (Yamaha), 1’39,462”; Miguel Oliveira (KTM), 1’39,507”; Danilo Petrucci (Ducati), 1’39,702”; Johann Zarco (Ducati), 1’39,709”; Pol Espargaro (KTM), 1’39,756”; Franco Morbidelli (Yamaha), 1’39,774”; Valentino Rossi (Yamaha), 1’39,836”; Brad Binder (KTM), 1’39,841; Joan Mir (Suzuki), 1’39,862. Treinaram mais 12 pilotos.

Moto2 – Sam Lowes (Kalex), 1’43,523”; Marcos Ramirez (Kalex), 1’43,752”; Luca Marini (Kalex), 1’43,765”; Fabio Di Giannantonio (Speed Up), 1’43,815”; Jorge Martin (Kalex), 1’43,853”; Marcel Schrotter (Kalex), 1’43,880”; Marco Bezzecchi (Kalex), 1’43,882”; Remy Gardner (Kalex), 1’43,908”; Xavi Vierge (Kalex), 1’43,976”; Augusto Fernandez (Kalex), 1’44,123. Treinaram mais 20 pilotos.

Moto3 – Tony Arbolino (Honda), 1’48,635”; Romano Fenati (Husqvarna), 1’48,778”; Jaume Masia (Honda), 1’48,876”; Sergio Garcia (Honda), 1’48,889”; Gabriel Rodrigo (Honda), 1’48,495”; Dennis Foggia (Honda), 1’48,956”; Andrea Migno (KTM), 1’48,973”; Raul Fernandez (KTM), 1’49,073”; Kaito Toba (KTM), 1’49,144”; Darryn Binder (KTM), 1’49,208”. Treinaram mais 21 pilotos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: