Miguel Oliveira 10.º na sessão de treinos livres

Piloto português da KTM terminou no “top ten” na terceira sessão de treinos livres de MotoGP para o Grande Prémio do Qatar.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

O vento que hoje soprou no Autódromo de Losail, palco da jornada de abertura do Campeonato do Mundo de Motociclismo, impediu os pilotos de melhorarem os tempos feitos na véspera, com excepção do italiano Francesco Bagnaia (Ducati), do espanhol Pol Espargaro (KTM) e do português Miguel Oliveira (KTM).

Como consequência dessa melhoria, Miguel Oliveira acabou por registar o 10.º tempo na terceira sessão de treinos livres de MotoGP, marcada pelas quedas dos espanhóis Jorge Lorenzo (Honda), que teve de passar pelo hospital do circuito, mas que deverá alinhar daqui a pouco na qualificação, e Marc Marquez (Honda), o que não o impediu de ser o mais rápido da sessão, à frente de Francesco Bagnaia e Pol Espargaro.

O espanhol da Honda acabou por ser o mais rápido no conjunto das três sessões de treinos livres, com Miguel Oliveira, apesar de ter melhorado a sua marca, a manter a 20.ª posição no conjunto das três sessões de treinos.

Em Moto2, o melhor tempo na sessão de hoje de treinos livres pertenceu ao Jorge Martin (KTM), com o alemão Marcel Schrotter (Kalex) a repetir a segunda posição registada no segundo treino livre de ontem, com o italiano Lorenzo Baldassarri (Kalex) a ser o mais rápido da categoria, no conjunto das três sessões de treinos livres, à frente do alemão e do australiano Remy Gardner (Kalex).

O espanhol Vicente Perez (KTM) fez o melhor tempo na terceira sessão de treinos livres de Moto3, mas é o seu compatriota Aaron Canet (KTM) a ser o mais rápido no conjunto das três sessões de treinos livres, sendo o único que chegou a rodar no segundo “4”.

O italiano Tony Arbolino (Honda) e o japonês Kaito Toba (Honda) foram os melhores na sessão de hoje, mas são os italinanos Romano Fenati (Honda) e Niccolò Antonelli (Honda) que sucedem ao espanhol na classificação conjunta das três sessões.

MELHORES TEMPOS

MOTOGP

Marc Marquez (Honda), 1m54,677s; Francesco Bagnaia (Ducati), 1’54,740”; Pol Espargaro (KTM), 1’54,879”; Valentino Rossi (Yamaha), 1’55,098”; Takaaki Nakagami (Honda), 1’55,141”; Alex Rins (Suzuki), 1’55,142”; Franco Morbidelli (Yamaha), 1’55,161”; Maverick Viñales (Yamaha), 1’55,220”; Joan Zarco (KTM), 1’55,460”; Miguel Oliveira (KTM), 1’55,557”. Treinaram mais 12 pilotos

MOTO2 – Jorge Martin (KTM), 1m59,596s; Marcel Schrotter (Kalex), 1’59.639”; Alex Marquez (Kalex), 1’59.695”; Xavi Vierge (Kalex), 1’59,815”; Sam Lowes (Kalex), 1’59,856”; Lorenzo Baldassarri (Kalex), 1’59,860”; Thomas Luthi (Kalex), 1’59,879”; Brad Binder (KTM), 1’59,889”; Augusto Fernandez (Kalex), 2’00,078”; Luca Marini (Kalex), 2’00,135”. Treinaram mais 22 pilotos.

MOTO3 – Vicente Perez (KTM), 2m06,561s; Tony Arbolino (Honda), 2’06,653”; Kaito Toba (Honda), 2’06,793”; Alonso Lopez (Honda), 1’06,794”; Romano Fenati (Honda), 2’06,879; Jakub Kornfeil (KTM), 2’07,000”; Kazuki Masaki (KTM), 2’07,088; Aaron Canet (KTM), 2’07,205”; Albert Arenas (KTM), 2’07,278; Celestino Vietti (KTM), 2’07,282”. Treinaram mais 19 pilotos.

 

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação