Miguel Cristóvão confia salto para o desconhecido

Piloto português inicia no próximo fim-de-semana a sua temporada de 2020, dando o salto para os protótipos com a participação nas Ultimate Cup Series, que arranca no circuito francês de Dijon.

(auto.look2010@gmail.com)

Miguel Cristóvão sagrou-se campeão em 2019 das GT4 South European Series, uma competição dedicada a carros de GT de índole ibérico, e este ano evolui na sua carreira, subindo ao primeiro degrau da categoria de protótipos – os LMP3 – que tem a sua expressão máxima nos LMP1, os carros que lutam pelas vitórias nas 24 Horas de Le Mans.

O piloto lusitano estará aos comandos de um Ligier JS P3 com 450Cv preparado pelo Team Virage que dividirá com Julian Wagg e Alessandro Ghiretti, dois pilotos jovens e competitivos que garantem um trio rápido e consistente. O palco da estreia do piloto de Cascais nas Ultimate Cup Series será o circuito de Dijon, constituído por nove curvas ao longo de 3,801 quilómetros de extensão e que ficou no imaginário dos adeptos do automobilismo graças ao intenso duelo pelo segundo lugar entre Gilles Villeneuve e Rene Arnoux durante o Grande Prémio de França de 1979.

Miguel Cristóvão desconhece o traçado gaulês onde se realiza a corrida de quatro horas, mas acredita que poderá protagonizar uma boa e rápida adaptação: «Nunca competi em Dijon, conhecendo apenas da televisão e das excitantes imagens da batalha entre o Villeneuve e o Arnoux, na Fórmula 1. É uma pista rápida, o que exige confiança, mas acredito que, com o apoio do Team Virage, poderei ter uma ambientação efectiva e estar em condições de poder ser muito competitivo», afirmou o português.

Para além do desconhecimento, Miguel Cristóvão enfrentará outras incógnitas na sua estreia nas Ultimate Cup Series, uma vez que será um ambiente novo, nova equipa, colegas de equipa com os quais terá de se relacionar pela primeira vez e, claro, adversários novos e que prometem ser fortes e competitivos.

Apesar do salto para o desconhecido, o português está confiante e espera poder iniciar a temporada com o pé direito: «O nosso objectivo é chegar às provas portuguesas, que terminam a temporada, em condições de lutar pelo título deste ano e acredito que temos capacidade para isso. Existe muito para conhecer, mas nos testes a equipa desenvolveu muito bem o carro e estou seguro de que teremos uma máquina competitiva. Claro que desconhecemos a força dos nossos adversários, mas vamos trabalhar ao longo do fim-de-semana e lutar para que possamos começar a temporada com um bom resultado, de preferência com um pódio», afirmou Miguel Cristóvão.

O programa oficial da ronda de Dijon da Ultimate Cup Series tem o seu início esta sexta-feira, com os treinos livres, disputando-se a qualificação no sábado, às 16h20. A corrida, que terá a duração de quatro horas, terá luz verde às 8h20 e poderá ser seguida em directo através do website da competição.

CALENDÁRIO 2020

3 a 6 de Setembro  – Dijon – França

24 a 27 de Setembro  – Magny-Cours – França

15 a 18 de Outubro – Magny-Cours – França

12 a 15 de Novembro  – Navarra – Espanha

26 a 29 de Novembro – Algarve – Portugal

10 a 13 de Dezembro – Estoril – Portugal

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: