Miguel Barbosa na frente do Rali de Mortágua

Piloto do BP Ultimate Vodafone Skoda Team, acompanhado por Jorge Carvalho, venceu as quatro especiais do primeiro dia da prova do Clube Automóvel do Centro.

CARLOS SOUSA (carlos.sousa@autolook.pt) – Fotos: AIFA

Miguel Barbosa, navegado por Jorge Carvalho, conduziu com arte e engenho o Skoda Fabia R5 ao triunfo no primeiro dia do Rali de Mortágua, terceira prova do Campeonato de Portugal de Ralis de 2019, vencendo as duas classificativas do dia, as citadinas de Águeda e Mortágua.

Sem nunca perder o “fio à meada”, o piloto BP Ultimate Vodafone Skoda Team foi doseando o andamento sem colocar em causa o seu domínio, com José Pedro Fontes e Inês Ponte a quedarem-se pela segunda posição, a 1,8 segundos de diferença.

O Águeda Street Stage Travocar, que voltou a registar mais uma “maré cheia” ao longo dos 2,59 quilómetros de extensão, atraindo milhares de pessoas à zona ribeirinha da Baixa e Alta da cidade aguedense, motivando uma moldura humana que recebeu de braços abertos o Rali de Mortágua, Miguel Barbosa superou as expectativas, repetindo o triunfo na super especial de Mortágua (2,06), e parte no sábado com 1,8 segundos de vantagem sobre José Pedro Fontes, em Citroën C3 R5) e 3,8 segundos sobre Ricardo Teodósio e José Teixeira, em Skoda Fabia R5.

Os campeões nacionais em título, Armindo Araújo e Luís Ramalho, conduziram o Hyundai i20 R5 ao quarto lugar, a 7,7 segundos de Miguel Barbosa, com António Dias e Pedro Castro, ao volante de um Skoda Fabia R5, a encerrar o “top five”, mas já a 10,2 segundos da dupla BP Ultimate Vodafone Skoda Team.

Após esta curta passagem pelos pisos de asfalto, o Rali de Mortágua segue este sábado para o piso de terra das florestais de Mortágua, no distrito de Viseu. A secção da manhã tem quatro classificativas, com a passagem dos pilotos por Mortágua – Moitinhal (6,55 km), Mortágua – Chão de Calvos (5,66 km), Sobral – Tojeira (18 km) e Felgueira (16,92 km). Durante a tarde, os pilotos repetem a secção da manhã e têm ainda uma terceira passagem por Moitinhal e Chão de Calvos.

Refira-se que o açoriano Ricardo Moura, líder do Campeonato Nacional, e Bruno Magalhães, terceiro classificado, são duas ausências de peso em Mortágua.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação