Mercedes modernizou o eVito Tourer com sucesso

A Sociedade Comercial C. Santos prossegue a sua incumbência de levar mais longe possível o “signo” da estrela, um estratagema desenhando num planeamento astucioso, procurando estreitar e aproximar cada vez mais os laços com os seus fiéis clientes e, ao mesmo tempo, escancarar as portas a eventuais “partidários” da marca.

CARLOS SOUSA (carlos.sousa@autolook.pt)

Numa acção que privilegiou novamente o distinto interior das instalações do concessionário da marca alemã, junto ao Aeroporto Francisco Sá Carneiro, a “estrela”, desta vez, recaiu no Mercedes-Benz eVito Tourer, um modelo que se fez notar à nossa chegada pelo seu brilhantismo.

Refulgentes estiveram, igualmente, uma equipa repleta de simpatia que, recebeu-nos, acompanhou-nos de fio a pavio, não regatearam esforços a fim de saciar dúvidas e curiosidades. Escondidos, por trás das máscaras, adivinhavam-se, a espaços, sorrisos pela interacção.

Aquiles Pinto (relações públicas), Ana Bolina (directora de Marketing) e Patrícia Almeida (coordenadora de Vendas de Veículos Comerciais Ligeiros) formaram a equipa que nos acolheu para partir à descoberta do Mercedes-Benz eVito Tourer, novo modelo disponível para encomenda e 100% eléctrico.

Numa altura em que a incerteza faz parte integrante da vida de cada um, sendo, decididamente, puro e duro viver com tanta perplexidade devido à Covid-19, a Mercedes-Benz modernizou o eVito Tourer que, além de receber energia, permite-lhe respirar e ganhar fôlego para novas aventuras e peripécias no asfalto.

OPERAÇÃO CIRÚRGICA

E ESTRATÉGIA DE SAPIÊNCIA

Diagnosticado como um veículos sem emissões, fruto de uma operação cirúrgica que visou uma estratégia de sapiência para contornar os embaraços da época que atravessamos e em prol do ambiente, o furgão médio da marca alemã está apto para responder cabalmente aos anseios dos fiéis da estrela.

Pese embora não haja uma grande transformação ao nível exterior, a sua dotação de série foi notavelmente ampliada, recebendo uma linha de mecânicas bastante ampla. Além de outros atributos disponíveis para serem utilizados no dia-a-dia, a Mercedes voltou a retirar mais um “coelho da cartola” quando as vendas no mercado oscilam entre a estagnação e a queda. O Mercedes-Benz eVito Tourer é, seguramente, um modelo que tem por missão despertar os sentidos e atrair novos clientes.

Considerada a marca mais bem sucedida no mundo automóvel, muito por culpa do seu nível de perfeição técnica, normas de qualidade, e numerosos automóveis lendários, o Mercedes-Benz eVito Tourer não foge à regra. Tal como as versões a combustão Vito e Classe V, a nova proposta tem semelhanças, dado que a eVito Tourer tem lotação de nove lugares

A tecnologia na eVito Tourer ressalta à vista, com destaque para o aquecimento do banco do condutor e vários sistemas de assistência e de segurança, tais como o Active Brake Assist, Attention Assist, Luzes de Circulação Automáticas ou o Cruise Control.

AUTONOMIA ELÉCTRICA COMBINADA DE 358 KM

O Mercedes-Benz eVito Tourer, à semelhança do EQV, possui cadeia cinemática eléctrica (eATS), que transmite força motriz às rodas dianteiras com uma potência de até 150 kW (204 cv). A energia eléctrica é armazenada numa bateria de iões de lítio na secção inferior do piso do veículo, cuja profundidade e posicionamento central traduz-se num efeito positivo na estabilidade de condução.

O modelo está disponível em duas variantes de carroçaria, com comprimento Standard (5.140 mm) e Longo (5.370 mm). A bateria tem uma capacidade de armazenamento útil de 90 kWh e permite, nas versões para o mercado português, uma autonomia eléctrica combinada de 358 km com uma velocidade máxima de 140 km/h (160 km/h em opção). O consumo é de 27,9 kWh/100 km.

Refira-se que o carregamento é realizado através da tomada de carregamento CCS. Quanto a tempos de carregamento, com wallbox ou num posto de carregamento público (carregamento em corrente alternada, potência máxima de 11 kW) é inferior a 10 horas para carregar a 100%. A tomada também permite carregar a eVito Tourer com corrente contínua (CC), sendo o carregamento de 110 kW opcional. Os postos rápidos da rede pública portuguesa Mobi-E são, para já, de 50 kW, permite carregar a bateria de 10% até 80% em aproximadamente 45 minutos. Num carregamento de 50 kW (a variante que é oferecida de série na eVito Tourer e que é a potência dos carregadores rápidas da Mobi-E), leva a carga da bateria de 10% até 80% demora 1h20m.

PREÇOS A PARTIR DE 72.089,50 EUROS

Quanto a preços, os valores de tabela sem extras adicionais aos de série (e com IVA incluído) são os seguintes estão escalonados da seguinte forma: Mercedes-Benz eVito Tourer Standard (72.089,50 euros) e Mercedes-Benz eVito Tourer Longo (73.688,50 euros).

Fundada em 1946, a Sociedade Comercial C. Santos possui instalações no Porto, Maia (Aeroporto) e Felgueiras. Tratando-se de um dos maiores concessionários Mercedes-Benz, smart e AMG em Portugal, a empresa nortenha comercializa viaturas e peças e presta serviço pós-venda a veículos ligeiros de passageiros, ligeiros de mercadorias e pesados de passageiros e de mercadorias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *