Mercedes continua com sede de vitórias

Quinze dias depois das corridas de Fórmula E, as ruas de Monte Carlo, onde vivem alguns dos pilotos, serão o palco desta sexta prova da temporada de Fórmula 1, competição que a Mercedes, com cinco 1-2, tem dominado de forma clara. O GP do Mónaco é já este fim-de-semana.

Pedro Roriz (auto.look2010@gmail.com)

Num traçado onde as ultrapassagens são difíceis e não há espaço para excessos a conquista da “pole position”, ao contrário do que sucede na maior parte dos traçados, é, em condições normais, mais de meio caminho andado para a vitória.

É por isso que um dos mais importantes momentos do fim-de-semana, que começa na quinta-feira, será a sessão de qualificação e em especial o duelo pela primeira posição da grelha na Q3.

Para lá chegar os pilotos vão ter de evitar as “armadilhas” do traçado e esperar fazer uma volta perfeita aos 3,337 km do circuito e esperar que nada de errado suceda.

A Mercedes chega a Mónaco, com uma enorme tranquilidade, não só pelo domínio que tem exercido, mas também pelo facto dos seus pilotos, o inglês Lewis Hamilton e o finlandês Valtteri Bottas, disporem, respectivamente, de 46 e 39 pontos de vantagem sobre o holandês Max Verstappen (Red Bull/Renault), e de ter 96 pontos de avanço sobre a Ferrari, no “Mundial” de Construtores.

Isto faz com que, qualquer que seja o desfecho da corrida, a Mercedes e os seus pilotos saíam de Monte Carlo no comando do campeonato, embora seja desejo de toda a equipa alcançar o triunfo para o dedicar ao austríaco Niki Lauda, desaparecido no início da semana, que foi elemento importante na estrutura montada pela marca alemã.

Em situação oposta está a Ferrari que, contra as expectativas geradas nos testes de Inverno, tem sido dominada de forma clara, com a conquista dos títulos, este ano, a parecerem uma mera ilusão, porque a vantagem cedida, em tão poucas corridas, é já demasiado grande.

O facto de haver responsáveis da equipa de Maranello a reconhecerem que o carro pode ter defeitos de concepção não deve ajudar a acalmar a tensão, que tem sido visível durante as corridas, onde as alterações de estratégia, que na maior parte dos casos surgem tarde, nunca vão no sentido certo.

Por outro lado, o alemão Sebastian Vettel tem gerido mal a eficácia que o monegasco Charles Leclerc, que desta vez corre “em casa”, por ser o único piloto nascido no Principado, tem revelado, embora por vezes tenha sido penalizado pelos seus excessos, próprios da sua juventude.

Se a Ferrari conseguir colocar um dos seus pilotos na “pole” pode pensar em ganhar a corrida, caso, depois, não opte por estratégias ineficazes e que a coloquem ao alcance da Mercedes, onde quem tem de tomar decisões as toma no momento certo e no sentido correcto.

Max Verstappen vai defender o terceiro lugar do campeonato e pode causar uma surpresa, o que parece pouco capaz de suceder com o francês Pierre Gasly, seu companheiro de equipa, cujos desempenhos têm ficado abaixo da expectativa.

Interessante deverá ser a luta no “segundo pelotão” entre os pilotos da Haas, McLaren e Racing Point, com a Renault, que tem sido uma desilusão, a procurar entrar nessa “guerra” da qual tem estado afastada, apesar não esconder o desejo de juntar-se às três equipas (Mercedes, Ferrari e Red Bull) que têm dominado a disciplina.

CLASSIFICAÇÕES DOS “MUNDIAIS”

PILOTOS – 1.º, Lewis Hamilton, 112 pontos; 2.º, Valtteri Bottas, 105; 3.º, Max Verstappen, 66; 4.º, Sebastian Vettel, 64; 5.º, Charles Leclerc, 57; 6.º, Pierre Gasly, 21; 7.º, Kevin Magnussen, 14; 8.º, Sergio Perez, 13; 9.º, Kimi Raikkonen, 13; 10.º, Lando Norris, 12; 11.º, Carlos Sainz, 10; 12.º, Nico Hulkenberg, 6; 13.º, Daniel Ricciardo, 6; 14.º, Lance Stroll, 4; 15.º, Alexander Albon, 3; 16.º, Daniil Kvyat, 3; 17.º, Romain Grosjean, 1

CONSTRUTORES – 1.º, Mercedes AMG Petronas Motorsport, 217 pontos; 2.º, Scuderia Ferrari, 121; 3.º, Aston Martin Red Bull Racing, 87; 4.º, McLaren F1 Team, 22; 5.º, SportPesa Racing Point F1 Team, 17; 6.º, Rich Energy Haas F1 Team, 15; 7.º, Alfa Romeo Racing, 13; 8.º, Renault F1 Team, 12; 9.º, Red Bull Toro Rosso Honda, 6

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação