Mercedes com duplo golpe na terra de “Tio San”

Valtteri Bottas, da Mercedes, não se fez rogado para registar o melhor crono no primeiro treino livre para o Grande Prémio dos Estados Unidos. Aliás, o piloto finlandês começou no território o “Tio San” da mesma forma que acabou na Turquia. O colega de equipa, Lewis Hamilton, foi 2.º.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

A Mercedes dominou a primeira sessão de treinos livres para o GP dos Estados Unidos. O finlandês Valtteri Bottas (Mercedes), penalizado em cinco lugares, por ter trocado o motor, e o inglês Lewis Hamilton (Mercedes) ocuparam as duas primeiras posições, separados por 0,045 segundos, deixando o neerlandês Max Verstappen (Red Bull/Honda) a quase um segundo (0,932 segundos).

Uma diferença de tempo, demasiado significativa, que não pode deixar de preocupar os responsáveis da Red Bull, que não estariam à espera que ela fosse tão grande, para quem defende o comando do campeonato

Bom desempenho dos Ferrari, com o monegasco Charles Leclerc e o espanhol Carlos Sainz  a posicionarem-se atrás de Max Verstappen, que bateu de forma clara a McLaren que viu os seus pilotos, o inglês Lando Norris (McLaren/Mercedes) e o australiano Daniel Riccardo (McLaren/Mercedes), a ficarem no oitavo e 16.º lugares, respectivamente, o que coloca a marca de Maranello em vantagem na luta pelo terceiro lugar do “Mundial” dos Construtores.

A sessão mal começou, foi interrompida pelo facto do espanhol Fernando Alonso (Alpine/Renault) ter ficado parado numa escapatória, pouco depois de ter saído das “boxes”, para que o carro fosse retirado do local e levado para as “boxes”, com o piloto a poder regressar à pista nos últimos minutos da sessão.

Apesar das modificações feitas no asfalto, depois das queixas dos pilotos de MotoGP, que correram no Circuito das Américas a 3 de Outubro, pela quantidade de ressaltos existentes na pista, a verdade é que eles mantêm-se e colocam dificuldades acrescidas aos pilotos, muitos deles por estarem no meio das curvas, que contestaram alguns dos limites de pista, o que poderá levar a direcção da corrida a alterá-los.

Entretanto, sabe-se já que o alemão Sebastian Vettel (Aston Martin/Merceds) e o inlgês George Russell (Williams/Mercedes) vão largar da última linha da grelha por terem trocado de unidade motriz.

TEMPOS DO TREINO

PILOTO CARRO MOTOR TEMPO
Valtteri Bottas Mercedes W12 Mercedes 1’34,874″
Lewis Hamilton Mercedes W12 Mercedes 1’34,919″
Max Verstappen Red Bull RB16B Honda 1’35,806″
Charles Leclerc Ferrari SF21 Ferrari 1’36,334″
Carlos Sainz Ferrari SF21 Ferrari 1’36,508″
Pierre Gasly Alpha Tauri AT02 Honda 1’36,611″
Sergio Perez Red Bull RB16B Honda 1’36,798″
Lando Norris McLaren MCL35 Mercedes 1’36,855″
Antonio Giovinazzi Alfa Romeo C41 Ferrari 1’36,874″
Kimi Raikkonen Alfa Romeo C41 Ferrari 1’36,876″
George Russell Williams FW 43B Mercedes 1’36,966″
Esteban Ocon Alpine A521 Renault 1’36,970″
Lance Stroll Aston Martin AMR21 Mercedes 1’36,972″
Sebastian Vettel Aston Martin AMR21 Mercedes 1’36,982″
Fernando Alonso Alpine A521 Renault 1’37,068″
Daniel Ricciardo McLaren MCL35 Mercedes 1’37,458″
Nicholas Latifi Williams FW 43B Mercedes 1’37,463″
Yuiki Tsunoda Alpha Tauri AT02 Honda 1’37,954″
Mick Schumacher Haas VF-21 Ferrari 1’38,866″
Nikita Mazepin Haas VF-21 Ferrari 1’42,239″

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *