Max Verstappen vence GP do Azerbaijão

Piloto neerlandês da Red Bull ficou à frente do colega Sérgio Pérez, numa corrida em que os dois Ferraris desistiram bem cedo, com problemas mecânicos. Um dia desastroso para os pilotos da marca italiana.

(auto.look2010@gmail.com)

Max Verstappen venceu pela primeira vez na sua carreira o Grande Prémio do Azerbaijão, em Baku, e reforçou a liderança no Mundial de Fórmula 1 de 2022. O campeão do mundo em título terminou a corrida à frente do seu colega de equipa na Red Bull, Sergio Pérez, que subiu igualmente ao segundo lugar da classificação do Campeonato do Mundo, num Grande Prémio em que Ferrari viveu um dia autenticamente para esquecer, com os seus dois pilotos a desistirem bem cedo na corrida.

Charles Leclerc até começou da “pole position” e, apesar de se ter visto ultrapassado por Pérez logo na primeira curva, tinha já recuperado a liderança e ocupava o primeiro lugar quando um problema mecânico, aparentemente ao nível do motor, o fez abandonar, deixando a liderança à mercê dos dois Red Bull.

Já antes, também o outro Ferrari, Carlos Sainz, tinha desistido, igualmente com problemas mecânicos. O resto do Grande Prémio foi, então, de luta entre os dois Red Bulls, e Peréz, que entretanto já tinha sido ultrapassado por Verstappen, não conseguiu fazer frente ao colega, terminando com mais de 20 segundos de atraso em relação ao neerlandês, que somou a quarta vitória da temporada.

George Russel, em Mercedes, fechou o pódio, com o colega e compatriota Lewis Hamilton a dar um ar da sua graça e a terminar no quarto lugar. No 5.º posto ficou Gasly, seguido de Vettel e Fernando Alonso.

Assim, na tabela da classificação do Mundial de F1 de 2022, Verstappen é ainda mais líder, agora com 150 pontos, mais 22 do que Sergio Pérez, agora segundo com 128 pontos. Leclerc desceu para terceiro, mantendo os mesmos 116 pontos, enquanto Russel reforçou o quarto lugar, com 99 pontos, à frente de Carlos Sainz Jr., que não pontuou e mantém os 83 pontos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.