Max Verstappen parte da “pole” nos EUA

Piloto neerlandês bateu Lewis Hamilton na qualificação do Grande Prémio dos EUA e conquistou a “pole position” para a corrida deste domingo, Já Sergio Perez, que tinha sido mais rápido na primeira volta rápida na Q3, conseguiu o terceiro melhor registo.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Após intenso duelo entre os principais protagonistas pela primeira posição da grelha, o neerlandês Max Verstappen (Red Bull/Honda) bateu o inglês Lewis Hamilton (Mercedes) e garantiu a 12.ª “pole position” da carreira.

Impondo-se hoje ao seu principal adversário, o arranque de amanhã promete ser empolgante entre os dois pilotos, com a abordagem à primeira curva a poder condicionar a corrida.

Para além disso, vai ser preciso fazer muitas contas para escolher o momento certo para a troca de pneus, na tentativa de conseguir a ultrapassagem a quem estiver à frente, porque em pista parece ser difícil que isso possa acontecer, dado o equilíbrio reinante entre os dois candidatos ao título.

O mexicano Sergio Perez (Rde Bull/Honda), que foi o mais rápido na Q2, esteve muito perto de alcançar a primeira “pole” da carreira, mas acabou com o terceiro tempo, à frente do finlandês Valtteri Bottas (Mercedes) relegado para o nono lugar, como consequência da penalização de cinco lugares por ter trocado o motor de combustão.

Para além dos dois pilotos da Red Bull e da Mercedes, para a Q3 apuraram-se ainda os dois pilotos da Ferrari, McLaren e Alpha-Tauri, que se classificaram por esta ordem, com a Ferrari a levar vantagem sobre a McLaren naquela que é a intensa luta pelo terceiro lugar do “Mundial” de Construtores.

O monegasco Charles Leclerc (Ferrari) foi o mais rápido na Q1, graças ao tempo feito na última volta, mas não conseguiu depois manter a posição, ainda que tenha ficado à frente do seu colega de equipa, o espanhol Carlos Sainz (Ferrari).

Na McLaren, contra o que é habitual o australiano Daniel Riccardo (McLaren/Mercedes) bateu o inglês Lando Norris (McLaren/Mercedes), com o francês Pierre Gasly (Alpha-Tauri/Honda) a levar a melhor sobre o japonês Yuki Tsunoda (Alpha Tauri/Honda) que chegou à Q3, onde não tem sido presença habitual.

Grelha de partida

 

Max Verstappen
Red Bull 16B/Honda
1’32,910″
Lewis Hamilton
Mercedes W12/Mercedes
1’33,119″
Sergio Perez
Red Bull RB 16B/Honda
1’33,134″
Charles Leclerc
Ferrari SF21/Ferrari
1’33,606″
Carlos Sainz
Ferrari SF21/Ferrari
1’33,792″
Daniel Riccardo
McLaren MCL35M/Mercedes
1’33,808″
Lando Norris
McLaren MCL35M/Mercedes
1’33,887″
Pierre Gasly
Alpha Tauri AT02/Honda
1’34,118″
Valtteri Bottas
Mercedes W12/Mercedes
1’33,475″
Yuki Tsunoda
Alpha Tauri AT02/Honda
1’34,918″
Esteban Ocon
Alpine A521/Renault
1’35,377″
Antonio Giovinazzi
Alfa Romeo C41/Ferrari
1’35,794″
Lance Stroll
Aston MartinAMR21/Mercedes
1’35,983″
Nicholas Latifi
Wiliams FW43B/Mercedes
1’35,995″
Kimi Raikkonen
Alfa Romeo C41/Ferrari
1’36,311″
Mick Schumacher
Haas VF-21/Ferrari
1’36.499″
Nikita Mazepin
Haas VF-21/Ferrari
1’36,796″
Sebastian Vettel
Aston Martin AMR21/Mercedes
1’35,500″
George Russell
Williams FW43B/Mercedes
1’35,746″
Fernando Alonso
Alpine A521/Renault
1’44,549″

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *