Marc Marquez dominou as duas sessões

O piloto Miguel Oliveira registou bons tempos em piso molhado e seco, prejudicado numa queda no momento decisivo do primeiro dia do GP das Américas, caindo para o 18.º lugar.

PEDRO RORIZ E CARLOS SOUSA (auto.look2010@gmaisl.com)

Foi com a pista molhada que decorreu a primeira sessão de treinos livres, com o asfalto a secar para a segunda sessão, mas no topo da tabela de tempos manteve-se o espanhol Marc Marquez (Honda), seis vezes vencedor no traçado americano.

Já com o asfalto mais seco, os tempos baixaram, com o australiano Jack Dennis (Ducati) a registar a segunda marca a escassos 0,015 segundos do espanhol e com o francês Fabio Quartararo (Yamaha), que comanda o campeonato, a ficar com o terceiro registo.

A pista molhada permitiu ao português Miguel Oliveira (KTM) ser o quarto mais rápido na sessão de abertura, atrás do espanhol, do australiano e do francês Johann Zarco (Ducati). Na segunda sessão e já com o asfalto seco, o português não foi além do 18.º tempo, só à frente do espanhol Aleix Espargaro (Aprilia), do italiano Danilo Petrucci (KTM) e do espanhol Iker Lecuona (KTM), o que dá a entender que a marca austríaca continua a não dar aos seus pilotos “argumentos” para discutirem as primeiras posições.

No que diz respeito à categoria de Moto2, os dois primeiros do campeonato, o australiano Remy Gardner (Kalex) e o espanhol Raul Fernandez (Kalex) foram os mais rápidos no conjunto das duas sessões de treino, com o espanhol a ser o único da chegar ao segundo “9” e a impor-se ao australiano, que comanda o campeonato.

Em Moto3, o melhor tempo do dia ficou na posse do checo Filip Salac (KTM) que bateu os italianos Niccolò Antonelli (KTM) e Dennis Foggia (Honda).

MELHORES TEMPOS DOS TREINOS

MotoGP – Marc Marquez (Honda), 2’04,164”; Jack Miller (Ducati), 2’04,179”; Fábio Quartararo (Yamaha), 2’04,366”; Pol Espargaro (Honda), a 2’04,552”; Takaaki Nakagami (Honda), 2’04,612”, Francesco Bagnaia (Ducati), 2’04,663”; Jorge Martin (Ducati), 2’04,677”; Johann Zarco (Ducati), 2’04,723”; Alex Rins (Suzuki), 2’04,802”; Enea Bastianini (Ducati), 2’04,836”; …; Miguel Oliveira (KTM), 2’05,862”. Treinaram mais três pilotos.

Moto2 – Raul Fernandez (Kalex), 2’09,880”; Remy Gardner (Kalex), 2’10,079”; Sam Lowes (Kalex), 2’10,534”; Toni Arbolino (Kalex), 2’10,673”; Aron Canet (Boscoscuro), 2’10,709”; Augusto Fernandez (Kalex), 2’10,773”; Simone Corsi (MV Agusta), 2’10,838”; Jake Dixon (Kalex), 2’10,975”; Marco Bezzecchi (Kalex), 2’10,975”; Marcel Schrotter (Kalex), 2’11,032”. Treinaram mais 19 pilotos.

Moto3 – Filip Salac (KTM), 2’17,280”; Niccolò Antonelli (KTM), 2’17,366”; Dennis Foggia (Honda), 2’17,406”; Jaume Masia (KTM), 2’17,493”; Xavier Artigas (Honda); 2’17,562”; Pedro Acosta (KTM), 2’17,815”; Romano Fenati (Husqvarna), 2’18,133”; Deniz Oncu (KTM), 2’18,149”; Andrea Migno (Honda), 2’18,259”; John McPhee (Honda), 2’18,379”. Treinaram mais 17 pilotos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *