Lutas acesas pelas posições em jogo no Ralicross

O Circuito de Castelo Branco, sem chuva este sábado, foi palco para mais corridas que o habitual para um primeiro dia de RX Portugal by Diatosta.

(auto.look2010@gmail.com) – Fotos: JOÃO DA FRANCA

Depois da tempestade de ontem, que fazia antever uma jornada muito dura no Circuito de Castelo Branco, este sábado apresentou-se com significativas melhorias das condições climatéricas, se bem que o céu se manteve sempre muito nublado.

Ainda assim, a chuva quase não se fez sentir, proporcionando um programa repleto de emoções, principalmente para os Iniciados, as Duas Rodas Motrizes e a Nacional 1.6 que, ao contrário do habitual, viram três rondas de Qualificação disputarem-se neste primeiro dia da derradeira jornada do Campeonato de Portugal de Ralicross by Diatosta.

Na Super 1600, a supremacia neste primeiro dia de competição esteve do lado de Tiago Ferreira que, com um 4.º e a vitória na segunda corrida de Qualificação, lidera a tabela pontual desta jornada com a assinatura da Escuderia Castelo Branco.

Atrás dele, a apenas um ponto, está Sérgio Dias, com João Novo em terceiro. Entretanto, os candidatos ao vice-campeonato ficaram-se por prestações aquém do esperado, com Joaquim Machado a ser o melhor com o 5.º lugar, enquanto Jorge Machado é 8.º, André Sousa é 10.º e Mário Barbosa 12.º.

Curiosa foi a troca entre pai e filho aos comandos do Skoda Fabia. Já com o título na mão, João Ribeiro cedeu o volante ao pai Rodrigo Ribeiro para esta última jornada da época. Uma troca que, por agora, traduz-se pelo 11.º lugar.

Já na categoria rainha, a Super Car, Bruno Gonçalves surpreendeu o já bi-campeão nacional José Lameiro ao garantir a primeira posição ao cabo das duas primeiras corridas de Qualificação, com o homem da Diatosta a ter, para já, de se contentar com o segundo posto.

Enquanto isso, entre os mais novos, nos Iniciados foi um dia em grande para Gonçalo Novo. Segundo no Campeonato, e sem a oposição do líder Rafael Rego nesta última ronda do RX Portugal by Diatosta, o jovem do Toyota Starlet colocou-se em excelente posição para reclamar a coroa de louros ao garantir a primeira posição ao cabo das três corridas de Qualificação disputadas hoje. Atrás dele está Guilherme Nunes com Gonçalo Rocha em terceiro e igual número de pontos até ao momento nesta jornada albicastrense.

Em relação às Duas Rodas Motrizes, o líder do Campeonato Adão Pinto está a ter um fim-de-semana para esquecer. É certo que começou com uma vitória, mas com dois desaires, o piloto do Opel Astra pode ter deitado tudo a perder.

Mas a verdade é que a ainda campeã em título Andreia Sousa também não tirou grande partido dos azares do rival, já que se ficou pela quarta posição após as três corridas de Qualificação. Que acabou por se destacar foi Fernando Silva, com Celmo Guicho, que ainda tem aspirações, a ser segundo e Bruno Campos a fechar, para já, o pódio.

Também com três corridas de Qualificação neste sábado, a Nacional 1.6 viu o já consagrado campeão nacional de 2021 André Ferreira dar cartas. O piloto de Lousada não deixou os créditos por mãos alheias e lidera confortável à frente de Rafael Rocha e Jorge Costela, dois dos pilotos em luta pelo vice.

Muito disputada está a ser a luta no Campeonato de Portugal de Kartcross by Diatosta com os dois primeiros da geral a não darem tréguas. Alexandre Borges, actual segundo no Campeonato, está a dar tudo para chamar a si a coroa e terminou este primeiro dia de acção na frente da classificação, enquanto campeão em título e líder da geral Jorge Gonzaga é segundo depois de um terceiro e um quinto lugar. Prestações algo modestas para aquelas a que o piloto do LBS RX01 tem habituado o público este ano.

Competição que também assistiu a um desfecho diferente do usual para um sábado foi o Troféu Júnior de Kartcross. O líder Hugo Bueno teve dia para esquecer, sendo neste momento sexto depois de um toque logo na primeira corrida de Qualificação.

Com o dominador da categoria aquém do que lhe é habitual, foi Guilherme Matos quem melhor partido tirou da situação ao terminar na primeira posição. Um resultado importante, principalmente porque levou a melhor sobre Yésica Santalla, segunda, com quem está em luta directa pelo vice-campeonato e que tem obrigatoriamente de bater para poder garantir a segunda posição no campeonato.

O programa só ficou completo com mais uma ronda de demonstração do Popcross 2CV, um particular onde Manuel Ramos, com uma Diane, é o mais forte até ao momento, à frente de Domingos Violante (2CV) e de Ramiro Fernandes, também em Diane.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *