Kodo: design nascido no concept Mazda Shinari

Na actual linguagem de design da Mazda, o conceito Kodo – A Alma do Movimento, a assinatura de design está sublimada em três estudos de essência desportiva…

(auto.look2010@gmail.com)

Tal como referido na primeira parte deste dossier sobre a actual linguagem de design da Mazda, o conceito Kodo – A Alma do Movimento desvendou-se ao mundo através do concept Mazda Shinari, proposta com reminiscências do Mazda RX-8 e que foi apresentada na edição de 2010 do Salão Automóvel de Los Angeles.

Conceito desenvolvido por Ikuo Maeda, à altura director geral de Design, em conjunto com a sua vasta equipa, a nova linguagem global de designada marca de Hiroshima assentava no conceito “Shinari”, traduzindo um visual poderoso, mas flexível, de enorme robustez, inerente aos objectos com elevada resistência, aptos a libertar toda a sua energia, através de um movimento repentino e rápido, à semelhança de um corpo de uma pessoa ou animal flexionado e pronto a entrar em acção.

Até à data houve 3 conceitos – Shinari, RX-Vision e Vision Coupé – que ainda que não tenham resultado directamente em modelos de produção, viram vários dos seus conteúdos de design, mecânicos e tecnológicos transitar para futuros modelos de produção, actualmente em comercialização. Mexendo com as emoções de quem os viu ao vivo, fruto do seu visual musculado e potente, são exemplos de pura energia, prestes a ser libertada. Recordêmo-los então!

 

CONCEPT MAZDA SHINARI (2010)

Que outra proposta senão um coupé desportivo para expressar, da forma mais pura mas com enorme impacto, o lançamento da sua nova filosofia de design Kodo – A Alma do Movimento? Não surpreende que tenha resultado em pleno a aposta da Mazda no concept Shinari, um estudo de 4 portas e 4 lugares, primeiramente mostrado a um grupo restrito de convidados em Milão (Itália), no âmbito da Semana de Design de 2010, para logo depois fazer a sua estreia mundial no Salão de Los Angeles (EUA), encantando o público presente.

Espelho de um conjunto de novos elementos de design que, ao longo de uma década, seriam levados até à produção, representou a primeira iniciativa da área de Design Mazda para exprimir essa sua nova assinatura.Com uma imagem de força que emana de todos os painéis e componentes, o Mazda Shinari parecia pronto a saltar a qualquer momento, qual animal selvagem libertado das suas amarras.

Com formas assentes numa forte espinha dorsal que se prolonga ao longo de uma longa carroçaria, exibida num azul metalizado luminoso, o Shinari expressa uma súbita libertação de energia acumulada, fazendo a ligação de movimentos flexíveis e agradáveis à vista, num estilo simultaneamente desportivo e elegante, conferindo ao conjunto uma expressão tridimensional de velocidade.

No interior, a Mazda concentrou-se na ligação entre a ergonomia com as funções mecânicas, concebendo um espaço optimizado, repleto de novas ideias e um Interface Homem-Máquina adequado, enaltecendo o prazer de condução.

CONCEPT MAZDA RX-VISION (2015)

Havia que esperar 5 anos pela evolução da proposta original, que surgiria no Salão Automóvel de Tóquio, com a Mazda Motor Corporationa voltar a surpreender o mundo com o Concept Mazda RX-Vision. Este novo estudo de características desportivas elevou a novos patamares o design Kodo, numa surpresa que surgiu em dose dupla, pois a equipá-lo estava um inédito bloco Skyactiv-R, denominação para uma nova geração do icónico motor rotativo da Mazda, fazendo (re)surgira ímpar tecnologia que é, talvez, o mais significativo símbolo do espírito de desafio da história da marca de Hiroshima.

Requintado nas suas proporções, o RX-Vision de motor dianteiro e tracção traseira pretendia representar uma antecipação de um potencial futuro que só a Mazda pode revelar, numa proposta que conquistou, de imediato, inúmeros fãs, bem como um enorme reconhecimento a nível planetário, fruto dos inúmeros prémios e distinções que lhe têm sido atribuídos nos mais reputados eventos de design, em concursos de elegância ou nos próprios salões e mostras em que tem sido exposto publicamente. Para tal contribuiu, naturalmente o seu distinto vermelho Soul Red, que o faz resplandecer onde quer que surja exposto.

CONCEPT MAZDA VISION COUPÉ (2017)

Foi nesse mesmo certame caseiro que a Mazda deu vida a um outro estudo – o Concept Vision Coupé – voltando a apostar na excelência da aplicação do design KODO a um terceiro potencial modelo desportivo, na evolução dos anteriores.

Personificando a estética minimalista japonesa, o exterior deste concept, exibido num novo e exclusivo tom metalizado Polymetal Gray, o Vision Coupé traduz uma linear forma one-motion, transmitindo uma sensação de velocidade, enquanto no seu interior é aplicado o conceito japonês “ma” (referência literal a “espaço”) presente na arquitectura tradicional, combinando uma profundidade tridimensional com um forte eixo longitudinal, alcançando-se um espaço relaxante. Quanto à sua denominação, é um tributo à tradição da Mazda na produção de coupés elegantes, como o Mazda R360, o primeiro modelo de passageiros Mazda, ou o Mazda Luce Rotary (R130).

RECONHECIMENTO COM A ATRIBUIÇÃO DOS MAIS ICÓNICOS GALARDÕES

Fruto da aplicação de centenas de horas de trabalho minucioso, nos domínios da escultura e da pintura de estruturas em argila, foi possível aprimorar o design único daqueles 3 concept-cars, sendo-lhes aplicadas carroçarias de superfícies lisas e libertas de vincos, permitindo o reflexo das ondulações subtis de luz e de sombras. Com uma natural e poderosa expressão de vitalidade, este trio parece estarem movimento, mesmo quando parado, exibindo toda a essência da sua alma Kodo.

Tal tornou-se num factor impulsionador de múltiplos prémios e distinções internacionais que lhes foram atribuídos, nos mais diferentes eventos e com jurados de vários quadrantes das diferentes indústrias do planeta, até incluindo designers de outros construtores automóveis. Senão vejamos.

O Concept Vision Coupé conquistou o troféu “Concept Car of the Year 2018”, atribuído na 11.ª edição do encontro anual “Car Design Night Geneva”, após avaliação pelos mais reputados especialistas da temática, evento que decorreu em paralelo ao Salão de Genebra daquele ano. Dois meses antes, em Janeiro, este mesmo estudo havia sido consagrado com o título de “Most Beauti ful Concept Car of theYear”, na então 33.ª edição do “Festival Automobile International”, em Paris, após votação de um grupo de jurados, composto por especialistas do sector automóvel (indústria e motorsport), arquitectos de renome e até designers de moda, entre outras actividades.

Este mesmo galardão de “Most Beauti ful Concept Car of theYear” havia sido atribuído dois anos antes ao Mazda RX-Vision, num ano de 2016que terminaria com a distinção de “Car Design Award”, na categoria de “Concept-Cars”, evento que decorreu em paralelo ao Salão Automóvel de Turim. Este estudo foi, igualmente, um dos pontos altos do reputado Concorso d’Eleganza Villa d’Este desse ano, onde esteve presente a convite da organização.

Acrescente-se que em Setembro do ano anterior, a equipa global da área Mazda Design havia sido premiada com nada menos do que três troféus no evento “Automotive Brand Contest 2015” incluindo o prestigiante galardão “Teamof the Year”.

Entre eles a Mazda apresentou vários outros concept-cars, desenvolvidos pelos seus 5 divididos pelos seus Centros de Design – Hiroshima e Yokohama (Japão), Frankfurt (Alemanha), Los Angeles (EUA) e Xangai (China) – e que foram desvendados nos principais salões automóveis internacionais.

Ao longo da última década esses novos conceitos de design foram traduzindo-se nos diferentes modelos que, presentemente, constituem a quase totalidade da actual gama de modelos da Mazda. Recorda-se quantos foram e quais? Será esse o tema dos próximos capítulos deste intemporal dossier, dedicado ao design Kodo – A Alma do Movimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: