Kartódromo albicastrense estimula a economia…

Infraestrutura desportiva foi inaugurada há um ano. Complexo é atração turística para o concelho e para o distrito, fruto da Escuderia Castelo Branco que desenvolve um programa de excelência na promoção da disciplina.

(auto.look2010@gmail.com)

A Escuderia Castelo Branco celebra, na próxima terça-feira, dia 20 de Julho, o primeiro aniversário do Kartódromo de Castelo Branco. Trata-se de uma infraestrutura criada pelo município albicastrense para impulsionar a prática desportiva, em particular o desporto motorizado, conquistou o seu espaço na região e é, praticamente desde que foi inaugurada, um pólo de atração turística e económica para toda a Beira Baixa.

A história ainda é curta. Celebra-se, agora, apenas o primeiro aniversário do Kartódromo de Castelo Branco. Apesar da tenra idade e do contexto pandémico em que foi inaugurado, este complexo, integrado no Parque de Desportos Motorizados de Castelo Branco, imprime uma nova dinâmica que se traduz em mais praticantes de desporto e em mais economia, ou seja, é uma aposta ganha.

António Sequeira, presidente da Escuderia Castelo Branco

«O primeiro ano de actividade do Kartódromo de Castelo Branco foi um verdadeiro desafio para a Escuderia Castelo Branco. Foram várias as dificuldades que tiveram de ser superadas, mas o trabalho realizado tem conseguido bons resultados. Não só temos condições para promover a prática do desporto motorizado, como ganhámos um espaço que promove uma maior dinâmica económica, com ganhos evidentes para toda a região», começou por referir António Sequeira, presidente da Escuderia Castelo Branco.

«O Kartódromo de Castelo Branco é utilizado pelos albicastrenses e turistas vindos de todo o território nacional. Mas vai para além disso. Temos sentido uma procura massiva de pilotos e turistas da vizinha Espanha que, de certa forma, não só usufruem das condições deste complexo, como contribuem para a maior atividade da restauração, da hotelaria e não só», confessou o responsável do clube albicastrense.

Para António Sequeira, o objectivo passa, agora, por consolidar o trabalho já realizado: «Um ano é um período muito curto. Sentimos que já fizemos bastante trabalho, mas há muito pela frente. Queremos tornar o complexo num espaço agradável para pilotos, mas não só. Queremos que as famílias se sintam confortáveis. Vamos, por isso, desenvolver algumas iniciativas para que o Kartódromo de Castelo Branco seja ainda mais apetecível para quem o visita», sublinhou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *