INEOS Automotive aposta em fábrica em Estarreja

O presidente da Câmara de Estarreja, Diamantino Sabina, disse que «ainda há algumas parcelas de terreno por comprar» necessárias à instalação da nova fábrica de veículos todo-o-terreno da INEOS.

(auto.look2010@gmail.com)

«Há alguns terrenos ainda por comprar, mas o processo está a andar. Faltam alguns terrenos ao Eco Parque Empresarial, mas estamos em vias de completar a área necessária para a instalação da unidade fabril», sustentou o autarca, confirmando o investimento no concelho, cuja grandeza disse desconhecer, mas estima em «muitos milhares de euros», devendo dar lugar à criação de mais de 500 postos de trabalho.

«Confirma-se que a pretensão deles é que se construa aqui, e com grande rapidez, uma unidade industrial para a produção de veículos todo-o-terreno», declarou Diamantino Sabina, revelando que terão de ser feitas alterações ao Plano de Pormenor daquela zona industrial, nomeadamente a alteração da dimensão dos lotes.

«Será superior a 300 mil metros quadrados e vão ser feitas alterações, mesmo em termos de plano de pormenor. É sempre exigente em termos técnicos e legais, porque estamos a falar de uma unidade de envergadura considerável e há muita gente a trabalhar no projecto», revelou.

Segundo Diamantino Sabina, a Câmara de Estarreja irá exigir do investidor algumas obras de urbanização, nomeadamente uma bacia de retenção de águas pluviais e, eventualmente, alguns arruamentos. No que respeita a outras infra-estruturas, o autarca adianta que se perspectiva que a nova fábrica automóvel disponha de um posto de transformação próprio.

«Não haverá problema quanto a isso porque a EDP está a par de tudo também e creio que estará disponível quando for necessário. É difícil ainda prever quando começa a construção, mas estamos todos a trabalhar para que seja o mais rapidamente possível e estamos cá para colaborar com o investidor», concluiu.

O grupo inglês INEOS Automotive anunciou que vai fabricar um novo veículo 4×4, com motor BMW, o “Grenadier”, cujo chassi e carroçaria serão produzidos numa nova unidade industrial a construir em Estarreja, num investimento que deverá ascender a 300 milhões de euros.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação