Henk Lategan estreia-se a vencer no Rali Dakar

Nasser Al-Attiyah mantém a liderança da prova, agora com 35m10s de vantagem sobre Sébastien Loeb, que é segundo, e 51m15s sobre Lucio Alvarez, o terceiro.

PEDRO RORIZ E CARLOS SOUSA (auto.look2010@gmail.com)

Nasser Al-Attiyah (Toyota GR DKR Hilux)

O qatari Nasser Al-Attiyah (Toyota GR DKR Hilux) parece ter entrado em modo de gestão ao ser oitavo no Sector Selectivo, ganho por Henk Lategan (Toyota GR DKR Hilux). O sul-africano levou a melhor sobre Sébastien Loeb (Prodrive Hunter) por 1m58s, com o francês a reduzir em cerca de três minutos o atraso para o príncipe do Qatar para 35m10s, diferença que só poderá ser anulada se Nasser Al-Attiyah cometer um erro.

A rodar com ar condicionado improvisado, uma vez que a porta do lado do piloto esteve aberta por largos quilómetros, Henk Lategan e Brett Cummings conduziram a Toyota/Toyota Gazoo Racing ao triunfo na 5.ª etapa hoje em redor da capital saudita e que teve algo histórico. Na verdade, pela primeira vez desde a sua criação em 1979, o Dakar ofereceu uma rota totalmente diferente entre carros e motos.

Henk Lategan (Toyota GR DKR Hilux)

Anteriormente, tanto em África como na América do Sul, as partes de um especial podiam ser diferentes, em particular por razões de segurança, mas nunca a totalidade de uma etapa. Para amanhã, sexta-feira, os cursos serão invertidos entre as duas e as quatro rodas.

Na etapa de hoje, Henk Lategan superou as expectativas e “deserdou” os franceses Sebastien Loeb e Fabian Lurquin, aos comandos de um BRX Hunter/Prodrive Bahrain Raid Xtreme, de cortarem a linha de chegada em primeiro. O piloto da Toyota/Toyota Gazoo Racing, que promete muito para o futuro do Dakar, bateu o nove vezes campeão mundial de ralis por 1m58s.

Lucio Alvarez e Armand Monleon, em Toyota/Overdrive Toyota, terminaram a etapa no terceiro degrau do pódio, embora Mathieu Serradori e Loic Minaudier (Century/SRT Racing) falhem o top 3 por apenas 14 segundos.

Sébastien Loeb (Prodrive Hunter)

Com estes resultados, Sébastien Loeb recupera algum tempo a Nasser al Attiyah, mas a margem mantém-se nos expressivos 35m10s. Lucio Alvarez recuperou o terceiro lugar, por troca com o piloto saudita Yazeed Al Rajhi, que faz equipa com Michael Orr (Toyota/Overdrive Toyota).

O lituano Vaidotas Zala (Mini John Cooper Works Rally), que é navegado pelo português Paulo Fiúza, foi 15.º a etapa e subiu para 11.º, a menos de um minuto do francês Mathieu Serradori (Century CR6), que fecha o lote dos 10 primeiros. Por sua vez, Miguel Barbosa, navegado por Pedro Velosa, conduziu o Toyota Hilux Overdrive ao 42.º lugar na tirada e subiu para a 36.ª posição da geral.

Novo mau dia para a Audi, com o sueco Mattias Ekstrom (Audi RS Q e-tron), em 21.º, a ser o melhor dos três pilotos da marca de Wolfsburg, enquanto o espanhol Carlos Sainz (Audi RS Q e-tron) foi 48.º e o francês Stéphane Peterhansel (Audi RS Q e-tron), 58.º.

Luís Portela de Morais (BRP CAN-AM Maverick XRS)

Em termos de SSV, segunda vitória consecutiva do estreante brasileiro Rodrigo Luppi de Oliveira (BRP CAN-AM Maverick XRS) que ascendeu ao comando da categoria, com 4m27s de avanço sobre onorte-americano Austin Jones (BRP CAN-AM Maverick XRS).

Luís Portela de Morais (BRP CAN-AM Maverick XRS) voltou a estar em evidência ao fazer o sétimo tempo no Sector Selectivo. A equipa BP Ultimate SSV chegou a andar entre os quatro primeiros da categoria SSV. Com este resultado Luís Portela Morais, acompanhado por David Megre, subiu três posições e está agora no nono posto da classificação geral.

Já Rui Oliveira (BRP CAN-AM Maverick XRS) foi 24.º e passou a ser 18.º da geral, enquanto nos veículos ligeiros, Mário Franco (Yamaha) foi 29.º e está na nona posição.

ETAPA DE AMANHÃ

De novo com partida e chegada a Riyadh, capital da Arábia Saudita, mas desta vez rumando a oeste, para um SS com 404 km, cuja primeira parte é caracterizada pelo elevado número de pistas, o que vai a obrigar a atenção reforçada dos navegadores, para não cometerem erros, seguindo-se cerca de 40 km de dunas, antes de uma parte final mais rolante e rápida.

CLASSIFICAÇÕES

SECTOR SELECTIVO (395 KM)

AUTOMÓVEIS – 1.º, Henk Lategan/Brett Cummings (Toyota GR DKR Hilux), 3.53’28”; 2.º, Sébastien Loeb/Fabian Lurquin (Prodrive Hunter), a 1’58”; 3.º, Lucio Alvarez/Armand Monleon (Toyota Hilux Overdrive), a 2’10”; 4.º, Mathieu Serradori/Loic Minaudier (Century CR6), a 2’24; 5.º, Guerlain Chichetir/Alex Winocq (Buggy GCK Thunder), a 2’59”; 6.º, Jakub Przygonski/Timo Gottschalk (Mini John Cooper Works Rally), a 3’20”; 7.º, Giniel De Villiers/Dennis Murphy (Toyota GR DKR Hilux), a 4’29”; 8.º Nasser Al-Attuyah/Mathias Baumel (Toyota GR DKR Hilux), a 4’53”; 9.º, Orlando Terranova/Daniel Oliveras (Prodrive Hunter), a 6’27”; 10.º, Christian Visser/Rooney Burke (Century CR6), a 7’09”; …; 15.º, Vaidotas Zala/Paulo Fiuza (Mini John Cooper Works Rally), a 15’04”; …; 42.º, Miguel Barbosa/Pedro Velosa (Toyota Hilux Overdrive), a 54’56”

SSV – 1.º, Rodrigo Luppi de Oliveira/Maykel Justo (BRP CAN-AM Maverick XRS), 4.33’12”; 2.º, Marek Gozcal/Lukasz Laskawiec (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 2’33”; 3.º, Sergei Kiriakin/Anton Vlasiuk (BRP CAN-AM Maverick), a 4’10”; 4.º, Austin Jones/Gustavo Gugelmin (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 8’40”; 5.º, Rokas Baciuska/Oriol Mena (BRP Maverick CAN-AM XRS), a 11’21”; …; 7.º, Luís Portela de Morais/David Megre (BRP CAN-AM Maverick XRS) a 14’07”; …; 24.º, Rui Oliveira/Fausto Mota (BRP CAN-AM Maverick XDS) a 43’49”

GERAL

AUTOMÓVEIS – 1.º Nasser Al-Attiyah/Mathias Baumel (Toyota GR DKR Hilux), 17.24’23”; 2.º, Sébastien Loeb/Fabian Lurquin (Prodrive Hunter), a 35’10”; 3.º, Lucio Alvarez/Armand Monleon (Toyota Overdrive Hilux), a 51’15”; 4.º, Yazeed Al Rahji/Michael Orr (Toyota Hilux Overdrive), a 1.06’23”; 5.º, Vladimir Vasilyev/Oleg Uperenko (BMW X5) a 1.07’52”; 6.º, Jakub Przygonski/Timo Gottschalk (Mini John Cooper Works Buggy), a 1.10’24”; 7.º, Sebastian Halpern/Bernard Graue (Mini John Cooper Works), a 1.22’01”;

8.º, Orlando Terranova/Daniel Oliveras (Prodrive Hunter), a 1’25’16”; 9.º, Martin Prokop/Viktor Chytka (Ford Raptor RS Crosscountry), a 1.31’01”; 10.º, Mathieu Serradori/Loic Minaudier (Century CR6), a 2.07’49”; 11.º, Vaidotas Zala/Paulo Fiuza (Mini John Cooper Works Rally), a 2.08’40”; …;

36.º, Miguel Barbosa/Pedro Velosa (Toyota Hilux Overdrive), a 6.43’11”

SSV – 1.º, Rodrigo Luppi de Oliveira/Maykel Justo (BRP CAN-AM Maverick XRS), 21.21’33”; 2.º, Austin Jones/Gustavo Gugelmin (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 4’27”; 3.º, Michal Gozcal/Szymin Gospodarczyk (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 22’25”; 4.º, Gerard Farres Guell/Diego Ortega Gil (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 23’28”; 5.º, Rokas Baciuska/Oriol Mena (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 45’00”; …; 9.º, Luís Portela de Morais/David Megre (BRP CAN-AM Maverick XRS) a 2.43’05”; …; 18.º, Rui Oliveira/Fausto Mota (BRP CAN-AM Maverick XDS) a 4.34’05”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.