Goodyear em busca de um bom resultado na China

O Campeonato do Mundo de Resistência (WEC) da FIA chega a Xangai e, pela primeira vez, os pneus Goodyear são utilizados numa corrida de um Campeonato do Mundo da FIA na China. O herói local, Ho-Pin Tung, procura garantir o terceiro lugar no campeonato.

(auto.look2010@gmail.com)

 A equipa da Goodyear Racing chega à terceira ronda do Mundial de Resistência da FIA 2019/20 com optimismo, depois de uma grande corrida em Fuji no mês passado. No circuito japonês, as três equipas que montavam pneus Goodyear estiveram na frente na sua categoria, com a equipa Jota Sport a garantir a “pole position”, ao passo que as equipas Jackie Chan DC Racing e High Class Racing lideraram a prova.

As três equipas competem na classe LMP2, destinada a “Protótipos de Le Mans” de 600 cv e motores V8 de 4,2 litros. Significativamente, esta é a única categoria em que existe luta entre fabricantes de pneus. Para a Goodyear, a corrida de Xangai será um marco na sua história na competição.

O circuito foi inaugurado em 2004, já depois da última etapa da Goodyear na Fórmula 1, pelo que esta corrida será a primeira de um Campeonato do Mundo da FIA realizada na China a contar com a presença de pneus Goodyear.

O circuito é muito exigente para os fabricantes de pneus, como explica Mike McGregor, director de Vendas de Competição, Testes e Apoio em pista da Goodyear: «Xangai caracteriza-se por duas curvas de longo raio e por um asfalto abrasivo. Também há que ter em conta a forte travagem no final de uma das rectas mais longas do calendário do WEC. Isto significa que a estabilidade na travagem é crucial para conseguir um tempo por volta rápido. Utilizaremos as mesmas duas especificações de pneus de seco que usámos em Fuji, e cremos que ambas serão competitivas na nossa estreia em Xangai».

O DESAFIO DE TIANMEN DE HO-PIN TUNG

Ho-Pin Tung foi o primeiro piloto chinês a vencer na sua categoria na corrida das 24 horas de Le Mans, e espera liderar o regresso da Goodyear à China. Possui a experiência de conquistar um desafio de pilotagem muito peculiar, dado que foi o primeiro piloto a chegar ao topo da montanha Tianmen num SUV de estrada.

Em 2018, após percorrer 99 curvas fechadas e transpor 999 degraus, Tung levou um Range Rover Sport equipado com pneus Goodyear ao pico de um dos locais mais emblemáticos e venerados da China. Esta foi a sua primeira experiência de trabalho com os engenheiros da Goodyear, e está pronto para uma batalha muito diferente, mas igualmente exigente, este fim-de-semana.

Ho-Pin Tung explicou que «subir os 999 degraus com um automóvel foi uma forma muito inovadora de começar a colaborar com a Goodyear». «Trabalhámos de forma estreita com os seus engenheiros, e isso deu-lhes a confiança necessária para alcançar o êxito. Em Xangai, num carro de LMP2, necessitamos da mesma concentração e da mesma confiança no pneu. A meteorologia pode mudar muito, e a combinação de exigentes curvas longas e fortes travagens representa uma tarefa muito dura para o carro e para o piloto! A minha melhor recordação de Xangai com a Jackie Chan DC Racing no ano passado, o nosso objectivo é repetir esse resultado e colocar a Goodyear no lugar mais alto do pódio pela primeira vez no WEC, depois de conseguir um pódio muito importante no Japão», sustentou o piloto.

As 4 Horas de Xangai do Campeonato do Mundo de Resistência da FIA têm início às 12h00 (hora local) deste domingo (10 de Novembro), depois das sessões de treinos livres e de qualificação realizadas esta sexta-feira e sábado.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação