“Golpe” de Rins abafa Marquez na última curva

O português Miguel Oliveira (KTM) desistiu hoje do Grande Prémio da Grã-Bretanha de MotoGP, depois de ser abalroado a 11 voltas do final pelo francês Johann Zarco (KTM), numa prova ganha pelo espanhol Alex Rins (Suzuki).

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Quando estava no 11.º lugar, já na segunda metade da corrida, o português Miguel Oliveira (KTM) foi abalroado pelo francês Johann Zarco (KTM), que tentou uma ultrapassagem por dentro, com Miguel Oliveira a procurar evitar o contacto, mas com o francês a cair e a levar consigo o português, que não estava a caminho de cumprir a terceira temporada sem conhecer a dureza do asfalto.

Uma situação evitável, já que Johann Zarco, que está de saída da marca austríaca, não tinha nada a ganhar e que comprometeu mais uma excelente corrida do português.

Ao contrário do que é habitual a corrida de MotoGP decidiu-se em cima da meta, com o espanhol Alex Rins a conseguir na última curva bater, ao “sprint”, o seu compatriota Marc Marquez (Honda), que cimentou a posição de comandante do campeonato, uma vez que o italiano Andrea Dovizioso (Ducati) foi ao chão logo na volta inicial, em consequência de um “toque” com o francês Fabio Quartararo (Yamaha), com o italiano a ser conduzido ao hospital como medida de prevenção.

Para completar um pódio espanhol Maverick Viñales (Yamaha) foi terceiro, muito perto dos dois homens da frente, mas sem hipótese de perturbar o seu duelo.

Em Moto2, luta cerrada até aos últimos metros, com os quatro primeiros, Augusto Fernandez (Kalex), Jorge Navarro (Speed Up), Brad Binder (KTM) e Remy Gardner (Kalex), a caberem em menos de um segundo, o que diz bem da luta travada desde a partida até à bandeira de xadrez.

Em Moto3, o atraso do espanhol Aron Canet (Honda), provocado por um “toque” no seu compatriota Alberto Arenas, permitiu ao italiano Lorenzo Baldassarri (Honda), terceiro, passar a dispor de 14 pontos de vantagem sobre o seu mais directo rival na luta pelo título, naquela que é a maior diferença pontual desde o início da temporada.

Num dia de vitórias espanholas, o espanhol Marcos Ramirez (Honda) assegurou o triunfo à frente dos italianos Tony Arbolino e Lorenzo Baldassarri, que sai de Silvestone mais satisfeito que Aron Canet.

CLASSIFICAÇÕES

CORRIDAS

MOTOGP – 1.º, Alex Rins (Suzuki), 20 voltas (118,00 km), em 40’12,799” (176,0 km/h); 2.º, Marc Marquez (Honda), a 0,013”; 3.º, Maverick Viñales (Yamaha), a 0,620”; 4.º, Valentino Rossi (Yamaha), a 11,439”; 5.º, Franco Morbidelli (Yamaha), a 13,109”; Cal Cruthlow (Honda), a 19,169”; 7.º, Danilo Petrucci (Ducati), a 19,682”; 8.º, Jack Miller (Ducati), a 20,318”; Pol Espargaro (KTM), a 21,079”; 10.º, Andrea Iannone (Aprilia), a 25,144”. Classificaram-se mais sete pilotos

MOTO2 – 1.º, Augusto Fernandez (Kalex), 18 voltas (106,20 km), em 37’41,833” (169,0 km/h); 2.º, Jorge Navarro (Speed Up), a 0,489”; 3.º, Brad Binder (KTM), a 0,571”; 4.º, Remy Gardner (Kalex), a 0,738”; 5.º, Tetsuta Nagashima (Kalex), a 3,276”; 6.º, Fabio Di Giannantonio (Speed Up), 9.065”; 7.º, Lorenzo Baldassarri (Kalex), a 9,108”; 8.º, Thomas Luthi (Kalex), a 9,355”; 9.º, Luca Marini (Kalex), a 13,119”; 10.º, Xavi Vierge (Kalex), a 13,753”. Classificaram-se mais 18 pilotos.

MOTO3 – 1.º, Marcos Ramirez (Honda), 17 voltas (100,30 km), em 37’50,443” (159,0 km/h); 2.º, Tony Arbolino (Honda), a 0,240”; 3.º, Lorenzo Dalla Porta (Honda), a 0,374”; 4.º, Niccolò Antonelli (Honda), a 0,425”; 5.º, Tatsuki Suzuki (Honda), a 0,495”; Ayumu Sasaki (Honda), a 0,816”; 7.º, John McPhee (Honda), a 1,045”; Dennis Foggia (KTM), a 1,210”; 9.º, Celestino Vietti (KTM), a 1,235”; 10.º, Ai Ogura (KTM), a 1,300”. Classificaram-se mais 19 pilotos

CAMPEONATOS

PILOTOS

MOTOGP – 1.º, Marc Marquez, 250 pontos; 2.º, Andrea Dovizioso, 172; 3.º, Alex Rins, 149; 4.º, Danilo Petrucci, 145; 5.º, Maverick Viñales, 118; 6.º, Valentino Rossi, 116; 7.º, Jack Miller, 94; 8.º, Fábio Quartararo, 92; 9.º, Cal Crutchlow, 88; 10.º, Franco Morbidelli, 69; …; 17.º, Miguel Oliveira, 26. Estão classificados mais oito pilotos

MOTO2 – 1.º, Alex Marquez, 181 pontos; 2.º, Augusto Fernandez, 146; 3.º, Thomas Luthi, 146; 4.º, Jorge Navarro, 146; 5.º, Brad Binder, 125; 6.º, Lorenzo Baldassarri, 124; 7.º, Marcel Schrotter, 116; 8.º, Luca Marini, 108; 9.º, Enea Bastianini, 74; 10.º, Fabio Di Giannantonio, 69. Estão classificados mais 20 pilotos.

MOTO3 – 1.º, Lorenzo Dalla Porta, 171 pontos; 2.º Aron Canet, 157; 3.º, Toby Arbolino, 133; 4.º, Niccolò Antonelli, 118; 5.º, Marcos Ramirez, 114; 6.º, John McPhee, 93; 7.º, Celestino Vietti, 88; 8.º, Jaume Masia, 83; 9.º, Romano Fenati, 67; 10.º, Jakub Kornfeil, 67. Estão classificados mais 20 pilotos.

CONSTRUTORES

MOTOGP – 1.º, Honda 256 pontos; 2.º, Ducati, 211; 3.º, Yamaha, 195;

4.º, Suzuki, 166; 5.º, KTM, 76; 6.º, Aprilia, 53

MOTO2 – 1.º, Kalex, 295 pontos; 2.º, Speed Up, 168; 3.º, KTM, 135; 4.º, MV Augusta, 15, 5.º, NTS, 8

MOTO3 – 1.º, Honda, 274 pontos; 2.º, KTM, 212

EQUIPAS

MOTOGP – 1.º, Ducati Team, 317 pontos; 2.º, Repsol Honda Team, 281; 3.º, Monster Energy Yamaha, 234; 4.º, Team Suzuki Ecstar, 192; 5.º, Petronas Yamaha SRT, 161; 6.º, LCR Honda, 150; 7.º, Pramac Racing, 123; 8.º, Red Bull KTM Factory Racing, 90; 9.º, Aprilia Racing Team Gresini, 60; 10.º, Red Bull KTM Tech3, 32; 11.º, Real Avintia Racing, 19

MOTO2 – 1.º, Flexbox HP40, 283 pontos; 2.º, Dynavolt Intact GP, 262; 3.º, EG 0,0 Marc VDS, 226; 4.º, Campetella Speed Up, 215; 5.º, Red Bull KTM Ajo, 151; 6.º, SKY Racing Team VR46, 136; 7.º, ONEVOX TKKR SAG Team, 120; 8.º, Italtrans Racing Team, 113; 9.º, American Racing KTM, 50; 10.º, Federal Oil Gresini Moto2, 38; 11.º, MV Augusta Idealavoro, 22; 12.º, Tasca Racing Scuderia, 19; 13.º, Idemitsu Honda Team Asia, 11; 14.º, Red Bull KTM Tech3, 10; 15.º, NTS RW Racing GP, 9; 16.º, Petronas Sprinta Racing, 8; 17.º, Sama Qatar Angel Nieto Team, 4; 18.º, Kiefer Racing, 3

MOTO3 – 1.º, Leopard Racing, 285 pontos; 2.º, VNE Snipers, 200; 3.º, SIC58 Squadra Corse, 168; 4.º, Sterilgarda Max Racing Team, 157; 5.º, Sky Racing Team VR46, 142; 6.º, Petronas Sprinta Racing, 140; 7.º, Bester Capital Dubai, 132; 8.º, Honda Team Asia, 117; 9.º, Sama Qatar Angel Nieto Team, 80; 10.º, Redox PruestelGP, 73; 11.º, Kommerling Gresini Moto, 52; 12.º, CIP Green Power, 46; 13.º, Estrela Galicia 0.0, 43; 14.º, Boe Skull Rider Mugen, 30; 15.º, Red Bull KTM Ajo, 4

Próxima prova – Gran Premio Octo di San Marino e della Riviera di Rimini, dia 15 de Setembro, no Misano World Circuit Marco Simoncelli.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação