Glória para Steve Holcombe em Castelo Branco

Piloto britânico da Beta mostrou porque é um dos melhores pilotos da actualidade, numa prova em que Rui Gonçalves foi segundo e o melhor português que mais pontuou para o Nacional de Sprint Enduro, com Diogo Ventura a terminar no terceiro lugar.

(auto.look2010@gmail.com) – Fotos: JR BRANCO

Steve Holcombe (Beta)

O antigo campeão do mundo de enduro, Steve Holcombe, voltou a um lugar onde já foi feliz e mostrou porque é um dos melhores pilotos da actualidade nesta especialidade. Neste regresso a Portugal, foi superior à concorrência e venceu a prova do campeonato português de Sprint Enduro. Rui Gonçalves terminou em segundo lugar e concluiu a sua participação como o melhor português. O piloto de Góis, Diogo Ventura, evidenciou a supremacia da marca italiana Beta ao fechar no terceiro lugar.

Num dia marcado pelas difíceis condições meteorológicas, os mais de 130 concorrentes encontraram as pistas de enduro do Parque de Desportos Motorizados de Castelo Branco muito exigentes. O desafio foi ainda maior devido à chuva e ao vento, mas Steve Holcombe superou as adversidades e fechou a sua participação no Sprint Enduro Castelo Branco no lugar mais alto do pódio.

Rui Gonçalves (Sherco)

Para o britânico que corre com as cores oficiais da Beta, este foi o regresso a uma cidade onde, em 2017, venceu uma etapa pontuável para o Campeonato do Mundo: «Gostei muito de regressar a Castelo Branco. Durante a manhã, competimos em modo sprint e a chuva não ajudou, pois tornou as condições da pista mais difíceis. À tarde, em Endurance, as condições estiveram mais estáveis e correu tudo muito bem», afirmou o piloto inglês.

Entre os concorrentes do Campeonato Nacional de Sprint Enduro, Rui Gonçalves, em Sherco, foi quem sorriu por último. Apesar de não ter argumentos para pressionar o vencedor – ficou a 20 segundos do triunfo absoluto – teve uma prestação muito competente. Chegou mesmo a ser o líder após a primeira parte do programa. Mas, no final, a forma eficaz com que superou os obstáculos permitiu-lhe conquistar o estatuto de melhor português e terminar em segundo na classificação geral. Rui Gonçalves acabou com uma vantagem avassaladora para os rivais lusos.

Diogo Ventura (Beta)

Diogo Ventura, que também correu com uma Beta, concluiu a sua participação no terceiro lugar, mas a mais de dois minutos de Rui Gonçalves, mas permanece na liderança do Campeonato Nacional, fruto do triunfo registado em Cantanhede.

A prova de Sprint Enduro foi muito concorrida e houve mais pilotos com motivos para festejar. Se na geral, Holcombe foi quem subiu ao lugar mais alto do pódio, na categoria Verdes, o triunfo foi para Filipe Taniko (Husqvarna). Fernando Sousa, em KTM, foi o mais forte entre os Super Veteranos, enquanto na competição reservada às Senhoras, Joana Alves Gonçalves bateu as adversárias. Destaque, ainda, para Ricardo Domingos que foi o melhor dos Hobby.

Concluído o Sprint Enduro Castelo Branco, a Escuderia Castelo Branco aponta, agora, baterias para a organização da Baja TT Idanha-a-Nova, última prova pontuável para o Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno e Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno, a realizae entre 27 e 29 de Novembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: