Gala dos Campeões do CPT 4×4 em Valongo

O município de Valongo está muito ligado ao trial 4×4 e, por via disso, há vários anos que acolhe a jornada inaugural do campeonato. Já recebeu uma apresentação e, agora, teve honras para consagrar os campeões de 2019.

(auto.look20102@gmail.com)

A Gala dos Campeões do Campeonato de Portugal de Trial 4×4, versão 2019, teve um significado especial para muitos pilotos e equipas. Por exemplo, no que diz respeito à classe UTV/Buggy, Carlos Martins e João Pinto levaram para casa os prémios de melhores piloto e navegador e, também, a melhor equipa. Depois de um ano em que testaram o carro quase até ao limite, Carlos Martins e João Pinto estão preparados para um 2020 desafiante, mas também estão conscientes de que a concorrência será forte e feroz.

João Fernandes foi bicampeão de Promoção em 2016 e 2017. Depois de uma pausa em 2018, esta época voltou à competição, acompanhado por Tiago Alves, e mostrou que ainda não perdeu o jeito, vencendo cinco prólogos e outras tantas provas na classe Promoção. Já com o título assegurado, na última jornada, em Paredes, quiseram experimentar uma classe superior e voltaram a brilhar. Por isso são, naturalmente, o melhor piloto, o melhor navegador e a melhor equipa da classe Promoção.

Na categoria Extreme, o pleno para a Team Rafael & Gomes, com pai e filho a receberem também o prémio de melhor piloto e melhor navegador. Em ano de estreia, a equipa alentejana é assim campeã em Extreme. Já na classe Proto, o Team RJ 69 também venceu tudo o que havia para vencer: melhor equipa, melhor piloto e melhor navegador, num ano em que a competição nesta categoria esteve ao mais alto nível.

Mas esta gala foi da equipa Auto Higino. Ao fim de seis provas conquistaram inúmeros títulos: tricampeões da classe Super Proto a nível de equipa e piloto, fazendo história ao alcançar o primeiro bicampeonato em termos absolutos.

De referir ainda que Luís Moreira ganhou o troféu de melhor navegador da classe Super Proto, enquanto Miguel Costa levou para casa uma dupla distinção: o troféu Nuno Graça e a taça de melhor navegador absoluto de trial 4×4.

Nesta gala foi ainda distinguida com o Prémio Fair Play, por votação das equipas presentes na cerimónia, a equipa Team Rj69, enquanto o piloto Rui Rocha, da mesma equipa, foi agraciado com o Prémio Carreira. O piloto Luís Bacelo venceu o prémio dedicação e António Henriques e João Fernandes foram ambos distinguidos com o prémio prestígio. Uma noite muito especial que encerrou o segundo ano sob a tutela da Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting (FPAK).

Um ano de consolidação do trial 4×4. As novidades da época 2020 serão reveladas na apresentação oficial do Campeonato Portugal de Trial 4×4, a 1 de Fevereiro, em Mangualde.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação