Frédéric Vervisch conduziu o Audi ao triunfo

O belga foi o mais rápido na segunda corrida do WTCR, disputada no traçado de Aragon, enquanto na traseira do seu Audi RS3 LMS o sueco Thed Bjork (Lynk & Co 03) e o belga Gilles Magnus (Audi RS3 LMS) discutiam o lugar intermédio do pódio, com vantagem para o primeiro.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Ao vencer no traçado espanhol de Alcañiz, o belga Frédéric Vervisch (Audi RS3 LMS) tornou-se no sexto vencedor, em outras tantas corridas no WTCR, com o sueco Thed Bjork (Lynk & Co 03) a resistir aos ataques do belga Gilles Magnus (Audi RS3 LMS com completou o pódio.

A segunda corrida do dia foi a repetição da primeira, com os ocupantes da primeira linha da grelha a manterem as respectivas posições ao longo das 13 voltas da corrida, que teve mais uma, em consequência da entrada em pista do “Safety Car” para que o carro do belga Tom Coronel (Audi RS3 LMS) fosse retirado da pista, com o piloto a não esconder a sua frustração.

No recomeço da corrida o belga resistiu ao ataque do sueco e assegurou o triunfo, com o francês Jean-Karl Verney (Hyundai Elantra N), quarto na corrida, a cimentar a posição de comandante do campeonato ao passar a dispôr de oito pontos de vantagem sobre o campeão em título, o francês Yann Ehrlacher (Lynk & Co 03), que foi sétimo.

Destaque para a corrida do inglês Robert Huff (Cupra), que largou de último e terminou em nono, depois de intensos duelos com alguns dos que o antecediam, com Tiago Monteiro (Honda Civic) a fazer algo de semelhante, depois de ter saído de 20 e ter terminado em 14.º, segundo dos carros da marca japonesa, com o argentino Nestor Girolami (Honda Civic) à sua frente e o húngaro Attila Tassi (Honda Civic) atrás de si.

CLASSIFICAÇÃO

Corrida – 1.º, Frédéric Vervisch (Audi RS3 LMS), 13 voltas; 2.º, Thed Bjork (Lynk & Co 03), a 1,191”; 3.º, Gilles Magnus (Audi RS3 LMS), a 1,691”; 4.º, Jean-Karl Verney (Hyundai Elantra N), a 2,400”; 4.º, Nathanael Brethon (Audi RS3 LMS), a 3,834”; 6.º, Gabriele Tarquini (Hyundai Elantra N), a 5,434”; 7.º, Yann Ehrlacher (Lynk & Co 03), a 9,988”; 8.º, Luca Engstler (Hyundai Elantra N), a 10,974”; 9.º, Robert Huff (Cupra), a 12,788”; 10.º, Yvan Muller (Lynk & Co 03), a 14,265”; …; 14.º, Tiago Monteiro (Honda Civic), a 21,083”. Classificaram-se mais três pilotos.

Campeonatos

PILOTOS – 1.º, Jean-Eric Verney, 82 pontos; 2.º, Yann Ehrlacher, 74; 3.º, Yvan Muller, 67; 4.º, Santiago Urrutie, 60; 5.º, Gabriele Tarquini, 58 ; 6.º, Esteban Guerrieri, 58; 7.º, Attila Tassi, 57; 8.º, Tiago Monteiro, 54; 9.º, Thed Bjork, 52; 10.º, Nathanael Berthon, 51. Estão classificados mais 12 pilotos.

EQUIPAS – 1.º, Cyan Racing Lynk & Co, 141 pontos; 2.º, Engstler Hyundai N Liqui Molly Racing Team, 121; 3.º Cyan Performance Lynk & Co, 112; 4.º, ALL-INKL.DE Muennich Motorsport, 111; 5.º, ALL-INKL.COM Muennich Motorsport, 103; 6.º, BRC Hyundai N Lukoil Squadra Corse, 98; 7.º, Comtoyou Team Audi Sport, 97; 8.º, Comtoyou DHL Team Audi Sport, 85; 9.º, Zengo Motorsport Services KFT, 50; 10.º, Zengo Motorsport Driver’s Academy, 8; 11.º, Target srl, 3.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *