Franco Morbidelli conquistou nova “pole”

Miguel Oliveira foi 10.º na qualificação desta tarde para o Grande Prémio de Valência de MotoGP e vai sair da 10.ª posição da grelha de partida na corrida de amanhã. O piloto de Almeida ficou a 0.797s do italiano.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Pela segunda vez, em MotoGP, oitava na carreira, o italiano Franco Morbidelli (Yamaha) assegurou a “pole” para a corrida de amanhã, tendo a seu lado, o australiano Jack Miller (Ducati) e o japonês Takaaki Nakagama (Honda) que, desde a semana passada, tem mostrado uma excelente adaptação ao traçado aragonês.

Com as condições de aderência a serem imprevisíveis, por o asfalto ter zonas húmidas, na fase inicial da qualificação, foram vários os pilotos que passaram pelo topo da tabela de tempos, acabando por ser o italiano a registar o melhor tempo.

O português Miguel Oliveira (KTM), que entrou directamente na Q2, acabou por registar o décimo tempo, à frente do francês Fabio Quartararo (Yamaha) e do espanhol Joan Mir (Suzuki) que, amanhã, tem o primeiro “match point” para garantir o título.

Para o piloto português, «foi um dia positivo, por ter conseguido entrada directa na Q2, mas na qualificação começou a chover e passou a ser difícil perceber até onde era possível puxar pelos pneus, mas nada está perdido, pois estou confiante em fazer um bom trabalho amanhã e de recuperar posições».

Surpresa em Moto2, com o italiano Stefano Manzi (MV Agusta) a dar à marca a primeira “pole” conseguindo interromper o domínio da Kalex, que viu o espanhol Hector Garzo (Kalex) e o italiano Marco Bezzecchi (Kalex) completarem a primeira linha da grelha, à frente do italiano Fabio Di Giannantonio (Speed Up), outro piloto que conseguiu intrometer-se na superioridade da Kalex.

Em Moto3 foi o sul-africano Brad Binder (KTM), depois de ser obrigado a participar na Q1, a assegurar a “pole”, a primeira da carreira, alcançada debaixo de uma chuva miúda que tornava o asfalto escorregadio.

O japonês Kaito Toba (KTM) e o espanhol Raul Fernandez (KTM) ocupam os outros dois lugares da primeira linha da grelha monopolizada pelas motos da marca austríaca, enquanto os candidatos ao título, o espanhol Albert Arenas (KTM) e o japonês Ai Ogura (Honda), registaram o sexto e o sétimo tempos, respectivamente, e, como consequência, o espanhol fecha a segunda linha e o japonês abre a terceira.

GRELHAS DE PARTIDA

MotoGP1.ª linha: Franco Morbidelli (Yamaha), 1’30,191”; Jack Miller (Ducati), 1’30,287”; Takaaki Nakagami (Honda), 1’30,413”; 2.ª linha: Johann Zarco (Ducati), 1’30,520”; Pol Espargaro (KTM), 1’30,553”; Maverick Viñales (Yamaha), 1’30,654”; 3.ª linha: Aleix Espargaro (Aprilia, 1’30,657”; Francesco Bagnaia (Ducati), 1’30,671”; Brad Binder (KTM), 1’30,737”; 4.ª linha: Miguel Oliveira (KTM), 1’30,781”; Fabio Quartararo (Yamaha), 1’30,684”; Joan Mir (Suzuki), a 1’30,988”. Alinham mais nove pilotos.

Moto21.ª linha: Stefano Manzi (MV Agusta), 1’34,418”; Hector Garzo (Kalex), 1’34,431”; Marco Bezzecchi (Kalex), 1’34,494”; 2.ª linha: Fabio Di Giannantonio (Speed Up), 1’34,524”; Jorge Martin (Kalex), 1’34,647”; Marco Ramirez (Kalex), 1’34,705”; 3.ª linha: Marcel Schrotter (Kalex), 1’34,730”; Lorenzo Baldassarri (Kalex), 1’34,757”; Bo Bendsneyder (NTS), 1’34,769”. Alinham mais 20 pilotos.

Moto31.ª linha: Darryn Binder (KTM), 1’38,286”; Kaito Toba (KTM), 1’38,329”; Raul Fernandez (KTM); 1’38,447”, 2.ª linha: Jaume Masia (Honda), 1’38,490”; Andrea Migno (KTM), 1’38,572”; Alberto Arenas (KTM), 1’38,577”; 3.ª linha: Ai Ogura (Honda), 1’38,578”; Tatsuki Suzuki (Honda), 1’38,590”; Celestino Vietti (KTM), 1’38,670”. Alinham mais 21 pilotos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: