Francesco Bagnaia garantiu a “pole” em Jerez

O italiano conseguiu hoje a “pole position” para o Grande Prémio de Espanha de MotoGP, depois de ter sofrido uma queda no pretérito fim-de-semana no Autódromo Internacional do Algarve.

(auto.look2010@gmail.com)

Francesco Bagnaia (Ducati)

Três motos de marcas diferentes na primeira linha da grelha para a corrida de MotoGP, com o italiano Francesco Bagnaia (Ducati) a superiorizar-se ao francês Fabio Quartararo (Yamaha) e ao espanhol Aleix Espargaro (Aprilia) que dividem a primeira linha da grelha, depois de terem sido os únicos a chegar ao segundo “36”.

Uma vez mais ficou patente a dificuldade das KTM funcionarem em piso seco, com o português Miguel Oliveira a quedar-se pela 21.ª posição da grelha, só à frente de quatro adversários e atrás do australiano Remy Gardner, piloto da equipa satélite, e do sul-africano Brad Binder, seu colega de equipa, que vai largar seis posições à sua frente.

Apesar do esforço que tem feito, a marca austríaca não consegue dar aos seus pilotos motos capazes de discutirem as primeiras posições e talvez por isso se fale, com cada vez maior insistência numa mudança de marca do português no final do ano.

Miguel Oliveira (KTM)

Em Moto2 foi o japonês Ai Ogura (Kalex), segundo no campeonato, a 34 pontos do primeiro lugar, a registar o melhor tempo, ao bater por escassos 0,010” o italiano Tony Arbolino (Kalex), com o inglês Sam Lowes (Kalex) a completar uma primeira linha, onde não há pilotos espanhóis.

O espanhol Fermin Aldeguer (Boscoscuro) conseguiu o quinto tempo e é o único a intrometer-se entre os pilotos da Kalex nas três primeiras linhas da grelha, com o italiano Celestino Vietti (Kalex), que comanda, destacado, o campeonato, a largar a seu lado, posição que lhe permitirá controlar o andamento do jponês.

A dupla espanhola de pilotos da GasGas dominou a qualificação para a corrida de Moto3, com Izan Guevara (GasGas), único a chegar ao segundo “45”, a bater o seu colega de equipa Sergio Garcia, numa primeira toda da casa, já que foi Jaume Masia (KTM) a registar o terceiro tempo.

O italiano Dennis Foggia (Honda), que dista um ponto de Sergio Garcia, que comanda o campeonato vai largar da quarta posição, tendo a seu lado o turco Deniz Oncu (KTM), que começou por ser o mais rápido no traçado andaluz, e outro espanhol Xavier Artigas (CFMoto), o que faz com que os pilotos da casa ocupem quatro das primeiras seis posições da grelha.

Grelhas de partida

MOTOGP1.ª linha: Francesco Bagnaia (Ducati), 1’36,170; Fabio Quartararo (Yamaha), 1’36,623”; Aleix Espargaro (Aprilia), 1’36,933; 2.ª linha: Jack Miller (Ducati), 1’37,049”; Marc Marquez (Honda), 1’37,145”; Johann Zarco (Ducati), 1’37,220”; 3.ª linha: Takaaki Nakagami (Honda), 1’37,254”; Marco Bezzecchi (Ducati); 1’37,285”; Joan Mir (Suzuki), 1’37,330”; …; 7.ª linha: Luca Marini (Ducati), 1’37,910”; Stefan Bradl (Honda), 1’37,937; Miguel Oliveira (KTM), 1’37,958”. Alinham mais quatro pilotos.

MOTO21.ª linha: Ai Ogura (Kalex), 1’41,289”; Tony Arbolino (Kalex),  1’41,299”; Sam Lowes (Kalex), 1’42,321”; 2.ª linha: Aron Canet (Kalex), 1’41,369”; Fermin Aldeguer (Boscoscuro), 1’41,620”; Celestino Vietti (Kalex), 1’41,741”; 3.ª linha: Somkiak Chantra (Kalex), 1’41,753”; Bo Bendsneyder (Kalex), 1’41,815”; Augusto Fernandez (Kalex), 1’41,901. Alinham mais 21 pilotos

MOTO31.ª linha: Izan Guevara (GasGas), 1’45,880”; Sergio Garcia (GasGas), 1’46,004”; Jaume Masia (KTM), 1’46,051”; 2.ª linha: Dennis Foggia (Honda), 1’46,170”; Deniz Oncu (KTM), 1’46,214”; Xavier Artigas (CFMoto), 1’46,225”; 3.ª linha: Ayumu Sasaki (Husqvarna), 1’46,312”; Riccardo Rossi (Honda), 1’46,315”; Diogo Moreira (KTM), 1’46,384. Alinham mais 19 pilotos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.