FPAK reuniu intervenientes das diversas disciplinas

Nas reuniões realizadas debateu o Plano de Contingência, como foi discutida a reorganização e redução dos calendários desportivos, a regulamentação, os apoios e os custos envolvidos.

(auto.look2010@gmail.com)

Tal como muitas outras áreas e sectores de actividade, a prática física e desportiva em contexto competitivo encontram-se paradas, em função das medidas consideradas de contenção à propagação da Covid-19.

Esta paragem da actividade desportiva e, consequentemente, dos fluxos económicos por ela criados, está a criar situações difíceis a todos os envolvidos. Acresce a isso a imprevisibilidade quanto à data de início da actividade desportiva, directamente relacionada com a evolução da pandemia, bem como da legislação que a venha a enquadrar.

A Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting (FPAK),não só vive essas dificuldades, como está perfeitamente consciente do esforço que será necessário para a ultrapassar. No sentido de preparar um Plano de Contingência que seja, por um lado suficientemente robusto sob o ponto de vista das medidas de sanidade, e por outro lado exequível e aplicável na sua grande maioria a todas as disciplinas do nosso desporto, a FPAK tem vindo a trabalhar na sua elaboração.

Assim, a última semana foi intensa para a Direcção da FPAK e para os seus serviços, tendo-se realizado uma série de reuniões com os diversos intervenientes nas diversas disciplinas com vista a uma eventual retoma da actividade desportiva no curto prazo.

Para além da reunião com os pilotos do Campeonato de Portugal de Ralis, que já foi objecto de uma comunicação, a FPAK reuniu com parceiros, pilotos, promotores e clubes, envolvidos no Campeonato de Portugal de Todo-o-terreno, Campeonato de Portugal de Ralicross, Campeonato de Portugal de Ralis, Campeonato de Portugal de Karting e Troféus, Campeonato de Portugal de Velocidade e Troféus e Campeonato de Portugal de Montanha.

Nas reuniões realizadas, não só se debateu o já referido Plano de Contingência, como foi igualmente discutida a reorganização e redução dos calendários desportivos, a regulamentação, os apoios e os custos envolvidos. As medidas apresentadas e propostas irão agora ser validadas pelos intervenientes para que, até ao final do mês de Maio, o planeamento esteja concluído a consenso, e possa ser devidamente apresentado como definitivo.

Uma palavra de agradecimento a todos os que participaram nestas reuniões e que, pelo seu interesse, conhecimento e dedicação, são a garantia de que, juntos, seremos capazes de ultrapassar as dificuldades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: