Fourmaux lidera Rali Terras D’Aboboreira

Ao volante de um Ford Fiesta R5, o piloto francês é o mais rápido na sua estreia em Portugal, com Armindo Araújo e Luís Ramalho a liderar no Campeonato de Portugal de Rali no final do primeiro dia de prova. O Campeonato Norte de Ralis junta-se amanhã para a derradeira etapa.

(auto.look2010@gmail.com)

Arrancou esta sexta-feira o Rali Terras D’Aboboreira, sexta jornada do Campeonato de Portugal de Ralis, com a realização da primeira etapa constituída por uma dupla passagem pela classificativa de Aboboreira com 16 quilómetros de extensão. Armindo Araújo e Luís Ramalho mostraram ao que vinham e, com o Skoda Fabia R5, venceram categoricamente a primeira passagem face à concorrência mais directa.

Ocupando a segunda posição no Campeonato de Portugal de Ralis, o piloto de Santo Tirso atacou forte e abriu desde logo uma pequena vantagem, com Miguel Correia a surgir surpreendentemente na segunda posição com o seu Skoda Fabia R5. O terceiro classificado era o francês Adrien Fourmaux que, no entanto, não pontua para a competição nacional.

Ricardo Teodósio e José Teixeira, em Skoda Fabia R5, tinha vencido o “Qualifying Stage” no período matinal, mas no arranque não conseguiu manter a toada, ficando-se pelo quarto crono, a mais de 5 segundos do líder, bem como Bruno Magalhães e Carlos Magalhães que, ao volante de um Hyundai i20 R5, não conseguiram melhor que o quinto tempo, com mais de dez segundos de desvantagem para a dupla que lidera a prova.

A curiosidade acumulava-se para a segunda passagem, para se perceber se existiria uma resposta efectiva por parte dos adversários de Armindo Araújo, o que se verificou com Ricardo Teodósio a vencer a classificativa por entre os concorrentes nacionais, e deixa em aberto para o dia de amanhã, sábado, uma luta que se perspectiva muito interessante de seguir com Armindo Araújo. Bruno Magalhães não se sentiu à vontade para retirar do Hyundai todo o seu potencial, bem como José Pedro Fontes que assumiu não estar a ter um rali que lhe estivesse a correr de feição, com uma posição na estrada difícil, e não estando a conseguir ter o ritmo que esperava.

Na frente do rali, o francês Adrien Fourmaux, em Ford Fiesta R5, lidera com uma vantagem de 3 décimas de segundo sobre Armindo Araújo, não deixando de se mostrar surpreendido pois estava à espera de mais alguma luta dos concorrentes nacionais. Encontrou um excelente piso, bastante “suave” com muita terra solta, que lhe permitiu divertir-se e imprimir um bom andamento nesta prova em que veio testar com vista a uma eventual participação em 2021 no Rali de Portugal.

Nas duas rodas motrizes, a liderança é da dupla açoriana formada por Rúben Rodrigues e Estevão Rodrigues, em Peugeot 208 R2, que surge na frente do continental Daniel Nunes, que se mostrou bastante surpreendido pelo andamento demonstrado pelo açoriano, afirmando que estava a andar nos seus limites e não percebia como era possível espremer mais segundos de um duas rodas motrizes nestas classificativas. Na terceira posição está Ricardo Sousa.

O Rali Terras D’Aboboreira organizado nos municípios de Amarante, Baião e Marco de Canaveses, regressa este sábado com a segunda e derradeira etapa. São mais 68 quilómetros para serem disputados contra o relógio até ao final do rali previsto para cerca das 16h00. Amanhã, os concorrentes do Campeonato Norte de Ralis vão fazer crescer o número de concorrentes em prova.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: