Filipe Albuquerque triunfador em Laguna Seca

A equipa do português liderou toda a prova, depois de ter partido da “pole position” para a corrida, pelo que somou a pontuação máxima (385 pontos) e subiu à liderança do Campeonato Norte Americano de Resistência (IMSA)

CARLOS SOUSA (carlos.sousa@autolook.pt)

Este domingo foi de arromba para as formações da Acura (WTR e Meyer Shank Racing), com Filipe Albuquerque e Ricky Taylor a levarem de vencida em Laguna Seca e a somarem importantes pontos (385) para as contas do campeonato. A equipa de Filipe Albuquerque liderou toda a prova, depois de ter partido da “pole position” para a corrida, sendo recompensada com a subida ao topo da classificação global no IMSA.

Esta foi a primeira vitória do piloto luso esta temporada no campeonato norte-americano, numa prova marcada ainda pelo segundo lugar do Acura número 60 de Oliver Jarvis e Tom Blomqvist. Esta dupla esteve sempre a ataque para superar Filipe Albuquerque e Ricky Taylor, mas estes não oscilaram e desenharam um triunfo importante.

De facto, a corrida iniciou-se com o Acura número 10 conduzido pelo norte-americano Ricky Taylor na frente do pelotão, posição que manteve, pese embora a pressão exercida por Oliver Jarvis. Contudo, o companheiro de equipa de Filipe Albuquerque distinguiu-se de toa a oposição, efectuando o seu stint sem ser apoquentado.

O piloto de Coimbra e o norte-americano fizeram 117 voltas nas 2h40 de prova, deixando os segundos classificados, Tom Blonqvist e Oliver Jarvis, a 1,080 segundos. Filipe Albuquerque esteve em Laguna Seca no seu melhor, mostrando em território norte-americano a razão por ser considerado um dos melhores pilotos do mundo.

O piloto de Coimbra foi exímio a gerir o andamento e, quando pressionado pelo sueco Tom Blomqvist, puxou pelos galões e revelou a sua inegável resistência e concentração apurada, com o piloto nórdico a não ter outra alternativa que seguir na traseira do Acura azul número 10.

A fechar o pódio, o melhor dos Cadillac foi o número 31 de Pipo Derani e Tristan Nuñez, mas que nunca apresentaram fundamentos para imiscuir-se na luta pela vitória, terminando a 26,744 segundos e diferença. A próxima ronda decorre em Mid-Ohio, de 13 a 15 de Maio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.