Filipe Albuquerque toma pulso ao DS Techeetah

Experiente piloto de Coimbra viajou dos Estados Unidos da América para Marrocos, com passagem célere por Paris, para tomar o pulso ao DS Techeetah da Formula E.

CARLOS SOUSA (carlos.sousa@autolook.pt)

Depois da vitória no Campeonato do Mundo de Resistência LMP2, em Lone Star Le Mans, em Austin, no Texas, aos comandos do Oreca da United Autosports com os companheiros Phil Hanson e Paul Di Resta, o piloto Filipe Albuquerque viajou para Marraquexe e já tomou o pulso DS Techeetah de Formula E, onde este fim-de-semana terá lugar a quinta ronda do campeonato. O primeiro dia de Filipe Albuquerque em na cidade marroquina de Marraquexe ficou marcado permitiu ao piloto de Coimbra fazer o banco, tendo confidenciado que já «tinha saudades de estar dentro de um fórmula».

O conimbricense, que será este ano um dos pilotos de desenvolvimento e de testes da DS Techeetah, equipa bicampeã de Formula E e, que, este ano, conta com António Félix da Costa como piloto oficial, terá a oportunidade de tomar o pulso do DS E-Tense FE20 da equipa da marca francesa.

«Poder ajudar o António Félix da Costa e o Jean-Éric Vergne a ganhar corridas é a missão que tenho em mãos, os quais podem contar com toda a minha dedicação. Apesar de estar numa realidade que desconheço por completo, obviamente que estou muito empenhado e focado para contribuir ao máximo no sentido de coadjuvar os dois pilotos oficiais DS E-Tense FE20», referiu o piloto conimbricense.

Refira-se que Filipe Albuquerque, além de disputar o Campeonato do Mundo de Resistência (FIA WEC), do European Le Mans Series e da Taça Norte Americana de Resistência, passou a fazer parte de uma nova realidade mesmo que não seja em competição propriamente dita, a Formula E.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: