Filipe Albuquerque sai da primeira linha da grelha

O piloto português foi o segundo mais rápido na sessão de qualificação do Campeonato do Mundo de Resistência LMP2 que este fim-de-semana tem lugar no Bahrein.

(auto.look2010@gmail.com)

Filipe Albuquerque e os seus companheiros de equipa, Phil Hanson e Fabio Scherer, estavam com algumas dificuldades em conseguir uma boa performance numa volta rápida, mas chegados ao cronometrado, o conimbricense extraiu todo o potencial do Oreca da United Autosports e ficou a 0,1 segundos da “pole position”.

Um resultado que surpreendeu todos pela positiva e que vai colocar Filipe Albuquerque na primeira linha da grelha, em posição de discutir a vitória: «Confesso que não estava nada à espera. Não que duvidasse das minhas capacidades, mas estávamos à espera de uma qualificação dura».

«Nos treinos livres fomos sempre, cerca de meio segundo, mais lentos e não antevíamos  facilidades. Aliás, a minha primeira volta não foi nada de especial, mas a segunda correu na perfeição e o resultado saiu como nunca. Foi uma festa enorme dentro da equipa. E fiquei muito feliz, uma sensação enorme de superação. Acredito que se voltasse à pista, para mais uma tentativa, não conseguiria fazer melhor», acrescentou o piloto de Coimbra.

Assim, para a corrida de 6 Horas que terá lugar este sábado, Filipe Albuquerque considera que «estar na linha da frente é a melhor posição». «Mas são seis longas horas e tudo pode acontecer. Vamos ver como será o nosso andamento e se vamos conseguir discutir a vitória. É isso que queremos», rematou o piloto português que quer ajudar a equipa a revalidar o título mundial entre os LMP2.

Amanhã, sábado, às 9h00, arranca a corrida que terá transmissão integral e em directo no Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *