Filipe Albuquerque optimista para Paul Ricard

Corrida diurna e nocturna das 4 Horas de Le Castellet, que também é encarada como um ensaio final para as equipas e pilotos que participam nas 24 Horas de Le Mans no próximo mês, alimenta a esperança de Filipe Albuquerque e Phil Hanson acelerar para mais uma vitória rumo ao título.

CARLOS SOUSA (carlos.sousa@autolook.pt)

São 35 carros que, este sábado, enfrentam o asfalto do circuito francês de Paul Ricard que volta a receber mais uma jornada do European Le Mans Series para a terceira ronda da temporada.

Nada mais, nada menos, que 15 LMP2, 12 LMP3 e 8 LMGTE suportam as 4 Horas de Le Castellet, numa corrida em que o conimbricense ambiciona ser o primeiro a ver agitada a bandeira de xadrez e que serve, também, de ensaio final para as equipas e pilotos que participam nas 24 Horas de Le Mans no próximo mês.

De acordo com Eduardo Freitas, director de corrida, «Paul Ricard é um circuito desafiador, com uma longa e magnífica recta onde as viaturas podem ser levadas ao limite da velocidade do motor e da aerodinâmica».

«É um excelente local para treinar durante as 24 Horas de Le Mans pelo que, nesse sentido, é uma boa opção. Este evento terá o elemento adicional de ser desenvolvido durante a noite, o que também é uma boa preparação para Le Mans», acrescentou o dirigente português.

Por isso, Filipe Albuquerque não quer ver desfocada a ambição e já aludiu que pretende alcançar a “pole position” que dá um ponto importante e depois ganhar a corrida.

«Não só para desforrar do azar da ronda inaugural mas também, e mais importante que tudo, para cimentarmos o primeiro lugar nas contas do campeonato. Temos três provas até ao final da época e não podemos desperdiçar pontos. Queremos muito este título, que infelizmente nos escapou em anos anteriores. Acreditamos que estamos no caminho certo e que somos, à semelhança dos nossos companheiros de equipa, um dos favoritos à vitória», referiu Filipe Albuquerque.

Está claro que o piloto de Coimbra e embaixador do Clube Automóvel do Centro e o companheiro de equipa Phil Hanson colocaram a United Autosports numa posição privilegiada para enfrentar mais este desafio com sucesso. Aliás, a equipa anglo-americana está na liderança das classes LMP2 e LMP3, mas pela frente terá de enfrentar uma competição bastante competitiva como são as 4 Horas de Le Castellet. Quanto à LMGTE, a Kessel Racing (Ferrari 488 GTE Evo número 74) lidera a classificação do respectivo campeonato, mas com apenas sete pontos de vantagem sobre o Porsche 911 RSR do Proton Competition com o número 77.

Para este sábado, o sol, o calor e a noite são alguns dos desafios que os pilotos terão de enfrentar durante a prova em território francês Le Castellet, com 240 minutos de pura corrida, é o que o esperam neste sábado a partir das 17h30. O programa do fim-de-semana será um pouco diferente do habitual, já que as sessões de treinos livres decorrem esta sexta-feira, embora a qualificação será no sábado pelas 11h20 e depois. A prova pode ser acompanhada, a par e passo, em https://www.europeanlemansseries.com.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: