Filipe Albuquerque 3.º na qualificação para Le Mans

A grande maratona francesa como é por vezes designada a mítica prova é um dos maiores desafios para pilotos e equipas, pelo que este resultado inicial deixa o piloto de Coimbra bastante satisfeito.

(auto.look2010@gmail.com)

A qualificação das 24 Horas de Le Mans teve lugar hoje depois da realização das duas sessões de treinos livres. Filipe Albuquerque, Phil Hanson e Paul di Resta asseguraram a terceira melhor marca entre os LMP2 que lhes vai permitir disputar, esta sexta-feira, a “hyperpole” que definirá as posições de partida dos seis primeiros lugares.

«Na nossa volta rápida apanhámos algum tráfego que não nos permitiu ir além do terceiro lugar. Estamos todos muito próximos em termos de andamento mas ficámos contentes por assegurar um lugar na “hyperpole” que nos vai permitir lutar pela “pole position” (sexta-feira», começou por explicar o piloto de Coimbra.

Apesar da posição na grelha não ser propriamente significativa para 24h de corrida, a realidade é que todos os pilotos querem sair na frente: «O nosso Oreca está com um excelente andamento, por isso se tudo correr dentro da normalidade vamos estar na luta. Temos os objectivos muito bem definidos: lutar pela “pole” e pela ‘vitória», referiu Filipe Albuquerque.

«Estamos na liderança do campeonato, queremos ser campeões e por isso não podemos ser modestos nas ambições mesmo que a prova em causa seja as 24h de Le Mans. Vamos dar o nosso melhor», concluiu o conimbricense que antes de disputar a “hyperpole” esta sexta-feira terá ainda tempo para mais uma sessão de treinos livres.

O Oreca 07-Gibson com o número 29 da Racing Team Nederland de Frits Van Eerd, Giedo Van Der Garde e Nyck de Vries foi o mais rápido na qualificação na categoria LMP2,com o tempo de 3m 26,648s, batendo o Oreca 07-Gibson número 37 da Jackie Chan DC Racing de Ho-Pin Tung, Gabriel Aubry e Will Stevens por 0.449 segundos.

Por seu turno, o Oreca 07-Gibson número 22 da United Autosports de Filipe Albuquerque, Philip Hanson e Paul Di Resta foi terceiro a 0,051 segundos. Já o Oreca 07-Gibson número 38 da JOTA Sport, de António Félix da Costa, Anthony Davidson e Roberto Gonzalez foi sétimo classificado.

 

Na classe principal, a LMP1, a Toyota fez nova “dobradinha” com Kamui Kobayashi a ser o mais rápido no Toyota TS050 Hybrid número 7 com o tempo de 3m17,089s, batendo os colegas de equipa do carro número 8 por 0,247 segundos. Seguiram-se o Rebellion R13 Gibson número 1, o Bykolles ENSO CLM P1/01 Gibson e o Rebellion número 3, que logicamente, todos passam à “hiperpole” desta sexta-feira. A Aston Martin colocou dois dos seus carros na frente dos GTE-Pro, e fez a pole provisória nos GTE-Am.

A edição 2020 da prova francesa arranca sábado, pelas 13h30, e terá transmissão integral no Eurosport. Todos os resultados podem ser consultados em: http://fiawec.alkamelsystems.com/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: