Fábio Quartararo “intratável” em Valência

Piloto francês “esperou” pelo derradeiro minuto da qualificação para desferir o ataque final, tomando de novo a liderança com a Yamaha, culminando em 1m30.232s, relegando para a segunda posição o espanhol Marc Marquez (Honda).

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

O francês Fabio Quartararo (Yamaha) continua intratável no circuito valenciano Ricardo Torno e foi o mais rápido ao longo das três sessões de treinos livres de MotoGP, tendo desta feita ficado à frente do espanhol Marc Marquez (Honda) e do australiano Jack Miller (Ducati), com o italiano Valentino Rossi (Yamaha) a surgir pela primeira vez, este fim-de-semana, no lote dos mais rápidos, tendo mesmo chegado a passar pelo topo da tabela de tempos, depois de duas quedas, uma em cada sessão de treinos livres.

Em Moto2, a Kalex continua a ser dominada pela concorrência, com o sul-africano Brad Binder (KTM) e o italiano Fábio Di Giannantonio (Speed Up) a colocarem-se no topo da tabela de tempos, com o italiano Stefano Manzi (MV Agusta) e ter chegado a estar entre os três mais rápidos, acabando por terminar a sessão em quinto, atrás do espanhol Augusto Fernandez (Kalex) e do suíço Thomas Luthi (Kalex).

Em Moto3, o espanhol Marcos Ramirez (Honda) registou o melhor tempo, à frente do italiano Lorenzo Dalla Porta (Honda), que foi batido por escassos, 0,029”, com outro espanhol, Aron Canet (KTM), que foi o mais directo adversário do italiano na luta pelo título, a registar a terceira marca.

TEMPOS DOS TREINOS LIVRES

MOTOGP – Fabio Quartararo (Yamaha), 1’30,232”; Marc Marquez (Honda), 1’30,456”; Jack Miller (Ducati), 1’30,543”; Valentino Rossi (Yamaha), 1’30,630”; Franco Morbidelli (Yamaha), 1’30,723”; Maverick Viñales (Yamaha), 1’30,735”; Danilo Petrucci (Ducati), 1’30,847”; Andrea Dovizioso (Ducati), 1’30,851”; Joan Mir (Suzuki), 1’30,058”; Cal Crutchlow (Honda), 1’30,996”. Treinaram mais 13 pilotos.

MOTO2 – Brad Binder (KTM), 1’34,463”; Fábio Di Giannantonio (Speed Up), 1’34,677”; Augusto Fernandez (Kalex), 1’34,697”; Thomas Lutihi (Kalex), 1’34,761; Stefano Manzi (MVAgusta), 1’34,803”; Sam Lowes (Kalex), 1’34,832; Jorge Martin (KTM), 1’34,986”; Alex Marquez (Kalex), 1,35,105”; Mattia Pasini (Kalex), 1’35,246”. Treinaram mais 22 pilotos

MOTO3 – Marcos Ramirez (Honda), 1’39,492”; Lorenzo Dalla Porta (Honda), 1’39,511; Aron Canet (KTM), 1’39,557”; Tony Arbolino (Honda), 1’39,927”; John McPhee (Honda), 1’39,954”; Riccardo Rossi (Honda), 1’39,958”; Jaume Masia (KTM), 1’40,027”; Filip Salac (KTM), 1’40,042”; Tatsuki Suzuki (Honda), 1’40,135”; Can Oncu (KTM), 1’40,220”. Treinaram mais 21 pilotos.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação