Esteban Guerrieri vence e reentra na luta

A escolha de pneus Goodyear na primeira de três corridas previstas para hoje em Aragon, reacendeu a batalha pelo título da Taça do Mundo de Carros de Turismo (WTCR), com a vitória inestimável de Esteban Guerrieri no piso escorregadio de MotorLand.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Ao optar por pneus de chuva atrás e “slicks” à frente, o argentino Esteban Guerrieri (Honda Civic), venceu a primeira corrida do fim-de-semana e reduziu para 16 pontos o atraso em relação ao francês Yann Ehrlacher (Lynk & Co 03), sexto na corrida.

Apesar de largar da 16.ª posição da grelha, o que vai voltar a suceder nas próximas duas corridas, o argentino aproveitou o facto do asfalto, ainda, estar húmido, para terminar a primeira volta em sétimo, atrás do francês, deixado para trás na volta seguinte, em que subiu ao terceiro lugar, para de seguida ascender ao segundo.

Graças à opção feita pela equipa, o argentino Nestor Girolami (Honda Civic), que utilizou o mesmo tipo de pneus do compatriota, conseguiu, na primeira volta, subir de 11.º na grelha para comandante da corrida, até aos derradeiros metros, altura em que reduziu o andamento para permitir o triunfo do seu compatriota, como era esperado, depois dos dois Honda Civic terem dominado, de forma clara a corrida.

O belga Gilles Magnus (Audi RS3 LMS), após cerrado duelo com o francês Nathanael Berthon (Audi RS3 LMS), completou o pódio.

A excelente corrida do português Tiago Monteiro (Honda Civic), que o levou do 14.º lugar da grelha ao oitavo, terminou a uma volta do fim, quando lutava, com os franceses Yann Erhlacher e Yvan Muller (Lynk & Co 03), pelo sexto lugar, com uma saída de pista que o levou ao abandono.

Classificação – 1.º Esteban Guerrieri (Honda Civic), 10 voltas (53,970 km), em 25’26,322” (130,4 km/h); 2.º Nestor Girolami (Honda Civic), a 602”; 3.º Gilles Magnus (Audi RS3 LMS), a 13,449”; 4.º Nathanael Berthon (Audi RS3 LMS), a 14,238”; 5.º Mikel Azcona (Cupra Leon), a 16,533”; 6.º Yann Ehrlacher (Lynk & Co 03), a 36,425”; 7.º Yvan Muller (Lynk & Co 03), a 37,571”; 8.º Jean-Karl Verney (Alfa Romeo Giulietta), a 46,885”; 9.º Santiago Urrutia (Lynk & Co 03), a 50,576”; 10.º Atilla Tassi Atilla Tassi (Honda Civic), a 50,848”. Classificaram-se mais nove pilotos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: