Estados Unidos vencem ISDE em Portimão

Os Estados Unidos lograram o triunfo no Troféu Mundial da FIM referente à 94.ª edição dos International Six Days Enduro da FIM, que terminou hoje em Portimão. Portugal terminou na nona posição de Seniores, quarta nos Juniores e sexta posição nas Senhoras.

Texto: CARLOS SOUSA (carlos.sousa@autolook.pt) – Fotos: DARIO AGRATI

Foi numa onda de entusiasmo que chegou ao fim a 94.ª edição dos International Six Days Enduro (ISDE), com uma vitória expressiva dos Estados Unidos da América no Troféu Mundial. Os pilotos Ryan Sipes, Kailub Russel, Taylor Robert e Steward Baylor foram “peças” fundamentais na engrenagem de uma máquina que funcionou a roçar a perfeição. O ritmo, regularidade e igualdade de andamento destes pilotos foi impressionante.

Os Estados Unidos da América também venceram nas Senhoras, enquanto nos Juniores, a vitória ficou nas mãos da Austrália. Portugal terminou na nona posição de Seniores, quarta nos Juniores e sexta posição nas Senhoras.

Em termos individuais, o australiano Daniel Sanders foi o grande vencedor, piloto extremamente rápido, em que uma das características é a celeridade na troca de pneus. Nos ISDE, em que não há ajuda por parte da assistência, tem uma maior importância a sua rapidez na troca de pneumáticos, especialmente para o tempo de manutenção no resto da moto.

Daniel Sanders foi quase sempre o mais rápido em pista. Se na hora de trocar pneus é um mestre da técnica, o australiano soube manter a arte em cima da moto e “voar” em redor do Autódromo Internacional do Algarve para gáudio dos espectadores em redor do traçado desenhado para a 94.ª edição dos ISDE.

Na terceira vez que Portugal organizou os ISDE, o seleccionado lusitano finalizou a prova no 9.º lugar, com Diogo Ventura a relevar enorme competência ao longo dos seis dias que, fruto da sua inequívoca experiência, foi o melhor piloto nacional. Na prova deste sábado, o motocross, que teve como cenário o Kartódromo Internacional do Algarve, o piloto do Góis Moto Clube encerrou a competição no 21.º lugar na classe E1, assinando a 12.ª posição na categoria.

O campeão nacional de Enduro “capitaneou” uma “armada” destemida e com muita “sede” de levar por diante o nome de Portugal pelo mundo fora. Que o diga Diogo Vieira que, a transportar pela primeira vez a camisola nacional, terminou no 23.º posto na especial deste sábado e arrematou a prova no 25.º lugar da classe E2.

Por seu turno, João Lourenço, que foi o melhor português do dia na categoria E3, conquistou com bravura o 16.º lugar, culminando os ISDE, versão 2019, na 15.ª posição da classe, com o sintrense Gonçalo Reis, triunfador da Enduro Open World Cup 2T, encerrou a participação na prova em redor do Autódromo Internacional do Algarve no 13.º lugar da classe E3.

Quanto à selecção Júnior, Tomás Clemente adaptou-se melhor ao estado dos pisos ao longo dos seis dias de prova e assinou o melhor registo, com a 26.ª posição na pauta classificativa e o 21.º posto na categoria E1, deixando para trás um rasto de excelência a culminar uma época bastante profícua.

Semelhante foi a prestação de Rodrigo Belchior. O jovem piloto, que também mostrou enorme capacidade de resposta às adversidades, foi premiado pelo 23.º lugar na classe E1, com Manuel Teixeira a encerrar a participação na 29.ª posição e em 32.º entre os pilotos da classe E2.

Em grande destaque estiveram Joana Gonçalves, Rita Vieira e Bruna Antunes. No trio português imperou a persistência e abnegação, renovando os votos de confiança do seleccionador nacional, transportando as cores de Portugal à sexta posição final, precisamente a mesma com que alcançou o ano passado no Chile.

Joana Gonçalves “tomou de assalto” os trilhos de motocross para terminar na quarta posição e assumir o estatuto de melhor lusitana com um brilhante 10.º lugar absoluto na prova de senhoras. Já Rita Vieira foi 15.ª na prova de motocross, terminando na mesma posição na classificação geral, com Bruna Antunes a cotar-se a 17.ª mais rápida este sábado e reclamar a 16.ª posição à geral.

De referir que a dezena de pilotos que envergou as cores portuguesas em Portimão iniciaram e terminaram os International Six Days Enduro, o que traduz na perfeição a excelência do seleccionado luso na cidade algarvia

A 95.ª edição dos International Six Days Enduro terá lugar em Rivanazzano Terme, em Itália, de 31 de Agosto a 5 de Setembro de 2020.

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação