Espetáculo de Drift está de regresso a Pinhel

O Campeonato de Portugal de Drift cumpre a sua quinta jornada em Pinhel nos dias 20 e 21 de agosto, prova organizada em conjunto pela Câmara Municipal de Pinhel e pelo Clube Escape Livre. Será o sexto ano da prova beirã e terceiro a contar para a competição nacional da disciplina, onde Rui Pinto é o piloto embaixador.

(auto.look2010@gmail.com)

A cidade e o Circuito de Pinhel vão receber a caravana da competição num traçado que tem vindo a ser evoluído de acordo com a sensibilidade e desejos dos pilotos, sendo essa uma das novidades da sexta edição da prova. A outra grande novidade será a realização da Taça Intercontinental. Esta é uma evolução sensível face às últimas edições onde pilotos espanhóis, franceses e suíços disputaram a Taça Internacional.

O epíteto de “Capital do Drift” não foi outorgado de forma leviana e a fama da prova organizada pelo Clube Escape Livre ultrapassou fronteiras e vai trazer até Portugal vários pilotos. Para lá dos habituais concorrentes portugueses, espanhóis, franceses e suíços, estará presente um piloto brasileiro, Bruno Bar.

Com a Taça Intercontinental integrada nas tentativas do Campeonato de Portugal de Drift, destaque para as presenças do suíço Michael Perrotet, vencedor da Taça Internacional em 2021 e do francês Laurent Cousin vencedor em 2019. No total serão 16 pilotos a competir nesta taça enquanto que para o campeonato, com as inscrições a decorrer neste momento, são aguardados cerca de 30 participantes.

O programa proposto pelo Clube Escape Livre para a sexta edição do Drift de Pinhel está condensado em dois dias (sábado e domingo). As verificações técnicas e administrativas e o “briefing” realizar-se-ão na manhã de sábado (20 agosto), seguindo-se os treinos livres entre as 14h00 e as 18h00. Novo briefing antecede a pausa para jantar e depois sessão de treinos de batalhas às 20h45, a prolongarem-se por uma noite de fortes emoções.

No domingo (21 agosto) o “Warm Up” arranca às 9h00. As qualificações começam às 10h00 com a categoria Pro, seguindo-se os dois grupos da categoria Semi Pro entre as 10h50 e as 11h40. Os Iniciados entram em pista para a qualificação às 12h30.

A parte da tarde está reservada para as batalhas para as categorias Semi Pro e Pro (14h30 e 15h50), com as finais logo de seguida às 16h35 e às 17h05, respetivamente. A entrega de prémios será feita às 18h00.

O premio Fair Play Daniel Saraiva será uma vez mais atribuído para evocar a memoria de um piloto que esteve na primeira edição de Pinhel. O Drift de Pinhel é das mais desejadas pelos pilotos e a sexta edição do Drift de Pinhel foi apresentada nas instalações do Intermarché/Roady da Guarda. Contou com a presença do presidente da Câmara Municipal de Pinhel, Rui Ventura, e do presidente do Clube Escape Livre, Luís Celínio.

Através de mensagem vídeo foi possível assistir as mensagens do suíço Michael Perrotet e do brasileiro Bruno Bar ambos entusiasmados por participar na prova de Pinhel. Rui Pinto esteve presente como embaixador da prova e com o seu carro de Drift.

Rui Ventura, presidente da Camara de Pinhel destacou o facto de «Pinhel continuar empenhado no sucesso do Drift, modalidade que tem dado visibilidade á cidade e trazido muita gente ao território». «São eventos diferenciados como este que merecem o nosso apoio», alegou.

Já Luís Celinio, presidente do Clube Escape Livre, afirmou que, «finalmente, assistimos a um campeonato dinâmico e competitivo e não podemos estar mais contentes». «Sabemos bem do contributo de Pinhel para esta afirmação e vamos continuar a fazer a nossa parte. O Drift é uma modalidade espetacular com milhares de adeptos que esperamos de braços abertos na Cidade Falcão».

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.