Espanhol Dani Sordo soma e segue na liderança

Ao cabo das três primeiras especiais do primeiro dia do Vodafone Rally de Portugal, o piloto espanhol Dani Sordo segurou o comando da prova do Automóvel Club de Portugal (ACP), quarta prova do Mundial de Ralis.

PEDRO RORIZ E CARLOS SOUSA (auto.look2010@gmail.com)

O espanhol Dani Sordo (Hyundai i20 Coupé WRC) repete na primeira passagem por Arganil, o que havia feito em Góis e cimenta a posição de comandante, ao pasar a ter 6,7” de vantagem sobre o estónio Ott Tanak (Hyundai i20 Coupé WRC).

A marca sul-coreana está a dominar, de forma clara, a primeira fase de prova, com a monopolização do pódio provisório, já que o terceiro lugar é ocupado pelo belga Thierry Neuville (Hyundai i20 Coupé WRC).

A Toyota tem no inglês Elfyn Evans (Toyota Yaris WRC), em quarto o seu melhor homem, já a 7,6 segundos do belga, com o francés Adrien Fourmaux (Ford Fiesta WRC), quarto na classificativa, a ganhar três posições e a subir para sexto da geral, a 4.6” do japonés Takamoto Katusta (Toyota Yaris WRC).

Enquanto isso, o seu colega de equipa, o inglês Gus Greensmith (Ford Fiesta WRC), perdeu tempo, em consequência de um furo, assim como o norueguês Mads Ostberg (Citroen C3 Rally2), que optou por parar e trocar o pneu, ao contrario do que fez o inglês, o que o “afundou” na classificação dos RC2.

A categoria RC2 continua a ser comandada pelo finlandés Esapekka Lappi (VW Polo GTi R5), que desalojou do comando o seu compatriota Teemu Suninen (Ford Fiesta Rally2), tendo considerado ter sido prejudicado pelo pó que o impedia de ver a estrada.

Entre os portugueses, Bernardo Sousa (Skoda Fabia R5) foi o mais rápido e reduziu o atraso em relação a Armindo Araújo (Skoda Fabia Rally2 Evo) para 8,6 segundos, enquanto Bruno Magalhães penalizou um minuto (10” em termos de classificação) por ter partido a barra estabilizadora traseira e ter tentado a reparação na ligação.

Refira.se que a dupla Miguel Correia e António Costa, em Skoda Fabia Rally2 Evo, não evitou uma saída de estrada na segunda especial e não teve outra alternativa que abandonar, dado que caiu para uma pequena ravina. Tanto o piloto como o navegador não sofreram ferimentos e já estão a equacionar regressar em breve ainda mais fortes.

3.ª PC – ARGANIL 1 (18,82 KM)

1.º Dani Sordo/Borja Rozada (Hyundai i20 Coupé WRC), 11’54,4”

2.º Ott Tanak/Martin Jarveoja (Hyundai i20 Coupé WRC), 11’57,9”

3.º Thierry Neuville/Martijn Wydaeghe (Hyundai i20 Coupé WRC), 11’58,8”

4.º Elfyn Evans/Scott Martin (Toyota Yaris WRC), 12’01k7”

5.º Adrien Fourmaux/Renaud Jamoul (Ford Fiesta WRC), 12,01,7”

6.º Takamoto Katsuta/Daniel Barritt (Toyota Yaris WRC), 12,02,8”

7.º Sébastien Ogier/Julien Ingrassia (Toyota Yaris WRC), 12’09,7”

8.º Kalle Rovampera/Jonne Halttunen (Toyota Yaris WRC), 12’11,4”

9.º Esapekka Lappi/Janne Ferm (VW Polo GTi R5), 12’37,7” (1.º RC2)

10.º Nikolay Gryazin/Konstantin Aleksandrov (VW Polo GTi R5), 12’40,3”

20.º Bernardo Sousa/Vítor Calado (Skoda Fabia R5), 12’58,2”

21.º Armindo Araújo/Luís Ramalho (Skoda Fabia Rally2 Evo), 12’59,9”

23.º Bruno Magalhães/Carlos Magalhães (Hyundai NG i20), 13’03,4”

26.º Ricardo Teodósio/José Teixeira (Skoda Fabia Rally2), 13’17,1”

27.º José Pedro Fontes/Inês Ponte (Citroen C3 Rally2), a 13’17,3”

CLASSIFICAÇÃO GERAL, APÓS TRÊS ESPECIAIS

1.º Dani Sordo/Borja Rozada (Hyundai i20 Coupé WRC), 33’58,5”

2.º Ott Tanak/Martin Jarveoja (Hyundai i20 Coupé WRC), a 6,7”

3.º Thierry Neuville/Martijn Wydaeghe (Hyundai i20 Coupé WRC), a 10,0”

4.º Elfyn Evans/Scott Martin (Toyota Yaris WRC), a 17,6”

5.º Takamoto Katsuta/Daniel Barritt (Toyota Yaris WRC), a 19,0”

6.º Adrien Fourmaux/Renaud Jamoul (Ford Fiesta WRC), a 23,6”

7.º Kalle Rovampera/Jonne Halttunen (Toyota Yaris WRC), a 26,1”

8.º Sébastien Ogier/Julien Ingrassia (Toyota Yaris WRC), a 31,0”

9.º Gus Greensmith/Chris Patterson (Ford Fiesta WRC), a 1’02,0”

10.º Esapekka Lappi/Janne Ferm (VW Polo GTi R5), a 1’44,4” (1.º RC2)

19.º Armindo Araújo/Luís Ramalho (Skoda Fabia Rally2 Evo), a 2’36,4”

20.º Bernardo Sousa/Vítor Calado (Skoda Fabia R5), a 2’45,0”

24.º Bruno Magalhães/Carlos Magalhães (Hyundai NG i20), a 3’04,5”

29.º Ricardo Teodósio/José Teixeira (Skoda Fabia Rally2), a 3’30,6”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *