Emoções ao rubro no 67.º Ralicross de Lousada

O RX Portugal by Diatosta regressou, de forma inesperada, a Lousada para a sexta jornada da época neste fim-de-semana.

(auto.look2010@gmail.com) – Fotos: JOÃO DA FRANCA

Foi com céu pouco nublado e temperaturas na casa dos 25ºC que a pista da Costilha, em Lousada, recebeu o primeiro dia de competição de mais uma emocionante jornada do Campeonato de Portugal de Ralicross by Diatosta onde, como é já usual, as lutas foram muitas ao longo das duas sessões de Qualificação, para grande satisfação do público presente.

Grande motivo de interesse foi a Super Car, não só pelo regresso de Oscar Ortfeldt à competição pela primeira vez após o aparatoso acidente sofrido em Sever do Vouga, mas também pelo facto da grelha se ter apresentado mais completa que na pretérita ronda de Mação.

A isto juntou-se também o elevado nível apresentado pelo líder do Campeonato e campeão em título José Lameiro que, depois de um início de ano atribulado, não deixou os créditos por mãos alheias. Vencedor das duas Qualificações, o piloto de Aveiro viu sempre pelo retrovisor Bruno Gonçalves terminar em segundo e Ortfeldt em terceiro.

Já no que respeita ao Campeonato de Portugal de Kartcross by Diatosta, Alexandre Borges acabou por ser o vencedor do dia, à frente de Luís Almeida e Pedro Rosário naquela que, também de forma inesperada, acabou por ser a categoria mais atribulada de todas.

Primeiro foi um despiste de Santinho Mendes e um início de incêndio no seu Semog Bravo. Um contratempo ao qual Jorge Gonzaga não conseguiu responder atempadamente, tocando no Semog Bravo de Santinho Mendes. Um incidente que obrigou o líder do Campeonato a desistir com a direcção do LBS RX01 aberta.

Depois, foi o aparatoso acidente de Tiago Freitas, que capotou e levou à apresentação de bandeiras vermelhas e consequente interrupção da Série B da segunda Qualificação. O piloto foi assistido de imediato pela equipa médica, que o removeu do Proto HSport e, uma vez estabilizado, o transportou para o hospital, onde se encontra estável e em observação.

Na sempre muito disputada Super 1600, João Ribeiro levou a melhor, mas não foi dominado. O piloto do Skoda Fabia começou por ser segundo e só após a vitória na última Qualificação da categoria logrou garantir a primeira posição da classificação.

Já António Sousa, que foi o primeiro a ganhar, caiu para quinto no segundo embate do dia e só conseguiu o segundo posto ao final porque Jorge Machado começou por ser e na derradeira Qualificação deste sábado entre os Super 1600 teve de se contentar pelo intermédio do pódio, o que se traduziu no terceiro lugar da geral.

Enquanto isso, nas 2 Rodas Motrizes, Adrão Pinto fez o pleno nas duas Qualificações deste sábado, com Celmo Guicho a garantir a segunda posição até ao momento após um terceiro e um segundo lugar. No mais baixo do pódio provisório está Bruno Campos, que assinou um quinto e um terceiro posto, isto enquanto Fernando Silva não logrou dar sequência ao segundo posto da primeira corrida, ficando-se pela quarta posição geral depois de ter sido apenas 6.º na segunda Qualificação.

Já na Nacional 1.6, mais um piloto dominador neste sábado. André Ferreira esteve imparável, mas ao contrário do que aconteceu noutras categorias, a segunda posição ficou sempre a cargo de Leandro Macedo, isto enquanto Rafael Rocha foi terceiro depois de ter terminado a última Qualificação do dia em quarto.

Nos Iniciados, Rafael Rêgo deu cartas ao triunfar nas duas Qualificações. Mais disputada foi a luta pelas restantes posições do pódio, com Gonçalo Novo a levar a melhor sobre Guilherme Nunes. Tudo porque Novo assinou um terceiro e um segundo lugar, enquanto Nunes deu seguimento à segunda posição da Qualificação com um quinto posto no derradeiro embate do dia.

Quem também voltou a fazer parte do programa foram os jovens do Troféu Júnior de Kartcorss by Diatosta, um particular onde Hugo Bueno se impôs, batendo Guilherme Matos e Yésica Santalla.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *