Diogo Vieira vence Super Enduro em Gaia

O Campo de Manobras da Serra do Pilar foi o palco do segundo confronto da temporada do campeonato nacional de Super-Enduro – Moto Espinha, com o triunfo imaculado do piloto de Vila Nova de Gaia aos comandos de uma Gas Gas. O piloto autolook.pt, Frederico Rocha (Fantic XE), foi segundo na categoria Open.

CARLOS SOUSA (carlos.sousa@autolook.pt)

Diogo Vieira ladeado por Luís Oliveira e Ni Esteves na festa do pódio

A cidade da margem esquerda do Douro, junto à Foz, serviu de cenário para a segunda discussão do confronto de presente temporada do Nacional de Super-Enduro – Moto Espinha com Diogo Vieira, a atuar solo caseiro, não desperdiçou a oportunidade para registar o triunfo.

O piloto da Gas Gas venceu todas as frentes, batendo Luís Oliveira (WR 250F), tanto na qualificação como nas três finais realizadas para somar a pontuação máxima na prova – 63 pontos. O campeão nacional de enduro terminou a missão em Vila Nova de Gaia no lugar intermédio do pódio, relegando Ni Esteves (Sherco) para a terveira posição.

Num traçado com pouco menos de 600 metros de perímetro e que reuniu uma dúzia de pilotos na classe Elite, o piloto Joel Vieira (KTM EXC 300TPI) encerrou a participação na uarta posição, na frente de Paulo Felicia (KTM).

Frederico Rocha

Na Open, com 14 pilotos em competição, Diogo Rodrigues (KTM), replicou o sucesso de Diogo Vieira e venceu em todas as três finais, com o jovem piloto conimbricense, Frederico Rocha, da Fantic Portugal e aos comandos de uma Fantic XE, a ocupar a segunda posição da classificação geral.

Tratou-se de uma prestação notável de Frederico Rocha na estreia absoluta nesta disciplina do Super-Enduro, dando sequência com mestria após um ano de sucesso no Campeonato Nacional de Enduro, em que se sagrou campeão nacional na categoria Open. Já José Ferreira (KTM) foi o terceiro na frente de Ricardo Silva (Beta) e João Miguel (Husqvarna).

Por seu turno, Marcelo Carneiro (KTM) superou as expetativas na prova gaiense e logrou o triunfo na categoria Hobby, relegando para a segunda e terceira posição Renato Moreira (Beta) e Luís Pinto (Gas Gas)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.