Diogo Ventura a ganhar pulso à Beta 250RR

Nas areias de Vila Nova de Santo André, Diogo Ventura iniciou este domingo a defesa do título nacional de Enduro conquistado na passada temporada com um promissor segundo lugar.

(auto.look2010@gmail.com) – Fotos: JOÃO DA FRANCA

Aos comandos de uma Beta 250RR e de regresso aos motores a “2 Tempos” o piloto do Góis Moto Clube, novo recruta da Beta Portugal, esteve na luta pela vitória até à derradeira das doze especiais realizadas, perdendo a prova por menos de 15 segundos.

O piloto goiense venceu duas das especiais realizadas, mas fruto de uma regularidade que o manteve sempre perto dos vencedores das especiais manteve-se na luta pela primeira vitória do ano até aos derradeiros metros da jornada realizada na Costa Vicentina.

«Foi um dia bastante positivo, sem cometer erros, fiz algumas especiais menos boas mas no geral estive sempre entre os mais rápidos e muito consistente. Já sabia que este seria um dia muito renhido, o Rui (Gonçalves) e o (Hugo) Basaúla são dois especialistas em areia como todos sabem, mas mesmo assim estive na luta até ao final e perdi a corrida apenas na última especial», sublinhou o piloto da moto italiana sobre a qual teceu elogios.

«Estou a adorar a moto e estou cada vez mais confortável com ela. A Moto Espinha está, igualmente, a fazer um trabalho fantástico e, agora, vamos trabalhar para estarmos ainda melhor na Régua», palavras de Diogo Ventura depois de ter subido ao segundo posto do pódio final da primeira prova do campeonato 2020, ganha por Hugo Basaúla, um resultado bem diferente da época passada quando foi forçado a abandonar.A próxima prova do campeonato levará a caravana até às margens do Douro quando nos dias 15 e 16 de Fevereiro a caravana realizar a primeira dupla jornada do ano em Peso da Régua.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: