Daniel Sanders vence etapa bastante encurtada

O australiano gastou 51m43s até ao primeiro ponto de abastecimento, onde a etapa foi neutralizada, chegando com 2m26s de vantagem sobre o seu companheiro de equipa e líder da geral, o britânico Sam Sunderland (Gas Gas).

PEDRO RORIZ E CARLOS SOUSA (auto.look2010@gmail.com)

A competição destinada às motos cumpriu hoje o percurso feito ontem pelos carros com estes a fazerem o trajecto que as duas rodas tinham feito ontem. Só que a passagem dos carros e camiões na véspera e as fortes chuvadas que têm caído na região tornaram impraticável a maior parte da etapa o mesmo foi dado por concluído ao km 121.

A organização optou assim por neutralizar a etapa no primeiro ponto de abastecimento, depois de muitas queixas dos pilotos das duas rodas relativas à segurança. O piloto do Botsuana Ross Branch (Yamaha) foi um dos apanhados nas armadilhas do traçado, desistindo após queda que lhe provocou lesões na mão direita. Foi transportado aos serviços médicos do acampamento pela organização.

O australiano Daniel Sanders (GasGas) foi declarado vencedor do Sector Selectivo, à frente do inglês Sam Sunderland (GasGas), que cimentou a posição de comandante, que ganhou mais 10 segundos ao austríaco Matthias Walkner (KTM), que manteve a segunda posição, com o australiano a subir ao derradeiro lugar do pódio.

No que diz respeito aos portugueses, Joaquim Rodrigues (Hero) foi o melhor ao fechar o lote dos 10 primeiros, com Rui Gonçalves (Sherco) a ser 17.º e António Maio (Yamaha) 20.º e com os três a ganharem posições na geral, sendo respectivamente 18.º, 23.º e 32.º.

Nos SSV, o polaco Marek Gozcal (BRP CAN-AM Maverick XRS) foi o mais rápido no SS, à frente do brasileiro Rodrigo Luppi de Oliveira (BRP CAN-AM Maverick XRS) que aumentou para 6’56” o avanço sobre americano Austin Jones (BRP CAN-AM Maverick XRS), quinto no SS

Luís Portela de Morais (BRP CAN-AM Maverick XRS) registou o 12.º tempo no SS, mas manteve a nona posição da geral, enquanto Rui Oliveira (BRP CAN-AM Maverick XRS) foi 32.º no SS e caiu para 31.º da geral.

HOJE É DIA DE DESCANSO

Amanhã é dia de descanso para pilotos e máquinas e de intenso trabalho para as equipas de assistência que têm de reparar os estragos provocados por uma semana de competição, com a competição a recomeçar, no domingo, com a ligação entre Riyahd e Al Dawadimi, que abre a derradeira semana da competição.

 

CLASSIFICAÇÕES

SECTOR SELECTIVO

MOTOS – 1.º, Daniel Sanders (GasGas), 51’43”; 2.º, Sam Sunderland (GasGas),a 2’26”; 3.º, Matthias Walkner (KTM), a 2’36”; 4.º, Pablo Quintanilla (Honda), a 3’15”; 5.º, Ricky Brabec (Honda), a 3’19”; 6.º, Mason Klein (KTM), a 3’33”; 7.º, Stefan Svikto (KTM), a 4’05”; 8.º, Adrien Van Beveren (Yamaha), a 4’10”; 9.º, Toby Price (KTM), a 4’16”; 10.º, Joaquim Rodrigues (Hero), a 4’29”; …; 17.º, Rui Gonçalves (Sherco), a 6’05”; …; 20.º, António Maio (Yamaha), a 7’07”; …; 43.º, Mário Patrão (KTM), a 14’16”; …; 85.º, Alexandre Azinhais (KTM), a 30’38”; …; 90.º, Arcélio Couto (Honda),a 33’39”; …; 99.º, Pedro Bianchi Prata (Honda), a 37’14”.

SSV – 1.º, Marek Gozcal/Lukasz Laskawiec (BRP CAN-AM Maverick XRS), 3.39’24”; 2.º, Rodrigo Luppi de Oliveira/Maykel Justo (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 3’04”; 3.º, Sergei Kiriakin/Anton Vlasiuk (BRP CAN-AM Maverick), a 3’06”; 4.º, Rokas Baciuska/Oriol Mena (BRP Maverick CAN-AM XRS), a 4’30”; 5.º, Austin Jones/Gustavo Gugelmin (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 5’33”; …; 12.º, Luís Portela de Morais/David Megre (BRP CAN-AM Maverick XRS) a 16’56”; …; 32.º, Rui Oliveira/Fausto Mota (BRP CAN-AM Maverick XDS) a 41’30”

GERAL

Motos – 1.º, Sam Sunderland (GasGas), 19.55’59”; 2.º, Matthias Walkner (KTM), a 2’39”; 3.º, Daniel Sanders (GasGas), a 5’35”; 4.º, Adrien Van Beveren (Yamaha), a 7’43”; 5.º, Pablo Quintanilla (Honda), a 17’44”; 6.º, Lorenzo Santolino (Sherco), a 18’22”; 7.º, Stefan Svitko (KTM), a 24’29”; 8.º, Kevin Benavides (KTM), a 24’56”; 9.º, Joan Barreda Bort (Honda), a 25’59”; 10.º, Mason Klein (KTM), a 37’08”; …; 18.º, Joaquim Rodrigues (Hero), a 1.05’05”; …; 23.º, António Maio (Yamaha), a 1.28’33”; …; 32.º, Rui Gonçalves (Sherco), a 2.20’08”; …; 54.º, Mário Patrão (KTM), a 5’38’55”; …; 69.º, Alexandre Azinhais (KTM), a 7.33’14”; …; 79.º, Arcélio Couto (Honda), a 8’32’57”; …; 98.º, Pedro Bianchi Prata (Honda), a 11.12’51”.

SSV – 1.º, Rodrigo Luppi de Oliveira/Maykel Justo (BRP CAN-AM Maverick XRS), 25.04’01”; 2.º, Austin Jones/Gustavo Gugelmin (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 6’56”; 3.º, Michal Gozcal/Szymin Gospodarczyk (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 28’06”; 4.º, Gerard Farres Guell/Diego Ortega Gil (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 29’08”; 5.º, Rokas Baciuska/Oriol Mena (BRP CAN-AM Maverick XRS), a 46’26”; …; 9.º, Luís Portela de Morais/David Megre (BRP CAN-AM Maverick XRS) a 2.58’57”; …; 21.º, Rui Oliveira/Fausto Mota (BRP CAN-AM Maverick XDS) a 5.12’31”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *