Chaves e Ramos regressam aos triunfos

Henrique Chaves e Miguel Ramos regressaram aos triunfos, ao imporem-se na primeira corrida da ronda de Misano do GT World Challenge Europe.

(auto.look2010@gmail.com)

O duo português já tinha dado boas indicações nos treinos e pré-qualificação e na corrida confirmaram as expectativas com um resultado que lhes permite subir ao segundo lugar do Campeonato de Pilotos Pro-Am do GT World Challenge Europe Sprint Cup a meio ponto dos líderes.

Miguel Ramos realizou a qualificação e, apesar de ter sido prejudicado por um adversário durante a sua volta mais rápida, conseguiu um bom terceiro lugar próximo dos dois primeiros da classe Pro-Am. O colega de equipa de Henrique Chaves efectuou, igualmente, o primeiro turno de condução, aproveitando a confusão das primeiras voltas para subir ao primeiro lugar, rodando confortavelmente à frente dos seus perseguidores.

Miguel Ramos entregou o Lamborghini Huracán GT3 Evo da Barwell Motorsport ao piloto de Torres Vedras na liderança e este conseguiu criar uma vantagem que chegou a ser de mais de cinco segundos.

No entanto, uma situação de Safety-Car anulou a margem de conforto que tinha e, para agravar a situação, algo cedera na direcção do carro da Sant’Agata Bolognese numa das passagens obrigatórias pelos correctores de Misano.

Com o seu rival na sua traseira e com um carro que apresentava um comportamento anormal, Henrique Chaves teve de dar o máximo sem cometer erros ao longo de cerca de vinte minutos de corrida para conseguir a terceira vitória da temporada.

Apesar de todas as contrariedades, o português, com uma prestação notável, conseguiu manter sob respeito o seu rival, cruzando a linha de meta no primeiro lugar dos Pro-Am e assegurando mais um triunfo.

«Foi uma corrida muito difícil. O Miguel realizou um primeiro “stint” muito bom e conseguiu alcançar a liderança. Quando peguei no carro senti alguns problemas com os pneus dianteiros, que tinham um comportamento anormal, e para tornar tudo mais difícil, algo na direcção cedeu, tornando o carro praticamente inguiável. Foi complicado manter o Aston Martin atrás de mim e temia que algo mais cedesse no eixo dianteiro, o que me poderia lançar para um despiste. Felizmente, tudo correu pelo melhor e conquistámos um importante triunfo», sublinhou Henrique Chaves.

Depois do sucesso deste sábado, o duo português terá mais uma qualificação e uma corrida amanhã, sendo o jovem de Torres Vedras a lutar por um bom lugar na grelha de partida e a realizar o primeiro turno da prova: «Antes de mais, temos de verificar o que aconteceu com a direcção do carro, dado que foi uma situação potencialmente perigosa. Na qualificação teremos de perceber se o carro continua com o excelente comportamento que tem vindo a demonstrar e, caso o mantenha, vamos lutar pela “pole position”. Na corrida da tarde, vamos trabalhar para repetir o triunfo deste sábado e, dessa forma, reassumir a liderança do campeonato», concluiu com confiança Henrique Chaves.

A prova deste sábado foi vencida pelo Audi R8 LMS GT3 da Team WRT, que foi dividido por Charles Weerts e Dries Vanthoor. A qualificação deste domingo terá o seu início às 8h00 e a corrida às 13h00 (hora de Lisboa), podendo toda a acção ser seguida no website da competição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *