Bottas vai sair à frente na “pole” de Hamilton

Britânico da Mercedes conseguiu hoje a 102.ª “pole” da sua carreira, na qualificação para o GP da Turquia, mas é o finlandês Valtteri Bottas a largar da primeira posição, face à penalização de 10 lugares de Hamilton na grelha de partida…

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Consciente que o inglês Lewis Hamilton (Mercedes) tem de largar, no mínimo da 11.ª posição, mesmo que fizesse o melhor tempo da qualificação, como sucedeu, a Mercedes tinha como objectivo colocar o finlandês Valtteri Bottas (Mercedes) à frente do neerlandês Max Verstappen (Red Bull/Honda). Uma pretensão que amplamente conseguida, com os “Mercedes boys” a alcançarem os melhores tempos da qualificação.

O desejo passava por permitir ao finlandês travar o neerlandês e permitir ao inglês recuperar da posição de partida, o que poderá acontecer face à maneira como a qualificação terminou.

Ao aproveitar a evolução constante pista, o monegasco Charles Leclerc (Ferrari) conseguiu, na última volta, chegar ao quarto lugar, terceiro na grelha, ao superar o francês Pierre Gasly (Alpha Tauri/Honda), que tinha sido o mais rápido na sessão matinal.

O monegasco chegou à Q3, também na derradeira volta da Q2, graças à “boleia” do espanhol Carlos Sainz (Ferrari) que, relegado para o fim da grelha, só saiu da “box” na Q2 para levar o seu colega de equipa atrás de si.

O espanhol Fernando Alonso (Alpine/Renault), cada vez mais satisfeito com o comportamento do carro, o mexicano Sergio Perez (Red Bull/Honda), que terá por missão “travar” a recuperação de Lewis Hamilton, o inglês Lando Norris (McLaren/Mercedes), o canadiano Lance Stroll (Aston Martin/Mercedes) e o japonês Yuki Tsunuda (Alpha Tauri/Honda) completaram o lote de pilotos que chegaram à Q3.

Q3 à qual, desta vez, não chegou o inglês George Russell (Williams/Mercedes) que, na derradeira curva, da última volta da Q2, quando tinha margem que lhe permitia a entrada na Q3, saiu da pista e comprometeu as suas aspirações.

De assinalar que o alemão Mick Schumacher (Haas/Ferrari) conseguiu, pela segunda vez, chegar à Q2, naquele que é o melhor resultado da marca americana.

GRELHA DE PARTIDA

Valtteri Bottas
Mercedes W12/Mercedes
1’22,998″
Max Verstappen
Red Bull 16B/Honda
1’23,196″
Charles Leclerc
Ferrari SF21/Ferrari
1’23,265″
Pierre Gasly
Alpha Tauri AT02/Honda
1’23,326″
Fernando Alonso
Alpine A521/Renault
1’23,477″
Sergio Perez
Red Bull RB 16B/Honda
1’23,706″
Lando Norris
McLaren MCL35M/Mercedes
1’23,954″
Lance Stroll
Aston MartinAMR21/Mercedes
1’24,305″
Yuki Tsunoda
Alpha Tauri AT02/Honda
1’24,368″
Sebastian Vettel
Aston Martin AMR21/Mercedes
1’24,795″
Lewis Hamilton
Mercedes W12/Mercedes
1’22,868″
Esteban Ocon
Alpine A521/Renault
1’24,842″
George Russell
Williams FW43B/Mercedes
1’25,007″
Mick Schumacher
Haas VF-21/Ferrari
1’25,200″
Daniel Riccardo
McLaren MCL35M/Mercedes
2’15,881″
Nicholas Latifi
Wiliams FW43B/Mercedes
1’26,086″
Antonio Giovinazzi
Alfa Romeo C41/Ferrari
1’26,430″
Kimi Raikkonen
Alfa Romeo C41/Ferrari
1’27,5252
Nikita Mazepin
Haas VF-21/Ferrari
1’28,449″
Carlos Sainz
Ferrari SF21/Ferrari
1’25,177″

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *