Arte e engenho da Hyundai em Amarante

Primeiro foi em Vieira do Minho e, agora, em Amarante. Na especial mais longa do Vodafone Rali de Portugal, a marca sul-coreana voltou a usar novo lance estratégico para ganhar tempo aos seus mis directos opositores.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

A Hyundai que, no início da etapa, tinha feito o espanhol Dani Sordo (Hyundai i20 Coupé WRC) penalizar 19 minutos para “limpar” a estrada para o belga Thierry Neuville (Hyundai i20 Coupé WRC), repetiu a acção, antes da primeira passagem por Amarante, ao colocar o francês Sébastien Loeb (Hyundai i20 Coupé WRC), à frente do espanhol, com os dois a “limparem a estrada” para o seu colega de equipa.

E a manobra resultou, porque Thierry Neuville foi dois segundos mais rápido do que o francês Sébastien Ogier (Citroen C3 WRC) e regressou ao quarto lugar, com a consequência do inglês Eflyn Evans (Ford Fiesta WRC) passar a ter o ingrato papel de “abrir” a estrada.

Intensa continua a ser a luta entre os pilotos da Toyota, com o finlandês Jari-Matti Latvala (Toyota Yaris WRC) a “atacar” o estónio Ott Tanak (Toyota Yaris WRC) e a terminar a primeira volta pelos três troços do dia a escassos 5,1” do comandante, depois de ter partido, esta manhã, a 17,3” do estónio.

O terceiro homem da marca nipónica, o inglês Kris Meeke (Toyota Yaris WRC) tem vindo a perder terreno em relação aos seus colegas de equipa e tem o derradeiro lugar do pódio ameaçado por Thierry Neuville e Sébastien Ogier com os três a “caberem” em 7,2”, o que quer dizer que na segunda volta ninguém vai poupar.

Em consequência do abandono do norueguês Ole Christian Veiby (VW Polo GTi R5), o finlandês Kalle Rovampera (Skoda Fabia R5 Evo) cimentou a posição de comandante e termina a manhã com 37,2” de vantagem sobre o checo Jan Kopecky (Skoda Fabia R5 Evo).

TEMPOS

10.ª PC – AMARANTE 1 (37,60 KM) – 1.º, Jari-Matti Latvala/Mikka Antilla (Toyota Yaris WRC), 25’10,4”; 2.º, Thierry Neuville/Nicolas Gilsoul (Hyundai i20 Coupé WRC), 25’14,6”; 3.º, Ott Tanak/Martin Jarveoja (Toyota Yaris), 25’16,2”; 4.º, Esapekka Lappi/Janne Ferm (Citroen C3 WRC), 25’16,4”; 5.º, Sébastien Ogier/Julien Ingrassia (Citroen C3 WRC), 25’16,7”; 6.º, Kris Meeke/Sebastian Marshall (Toyota Yaris WRC), 25’18,4”; 7.º, Dani Sordo/Carlos Del Barrio (Hyundai i20 Coupé WRC), 25’19,6”; 8.º, Teemu Suninen/Marko Salminen (Ford Fiesta WRC), 25’31,1”; 9.º, Sébastien Loeb/Daniel Elena (Hyundai i20 Coupé WRC), 25’34,8”; 10.º, Elfyn Evans/Scott Martin (Ford Fiesta WRC), 25’40,4”; …; 12.º, Kalle Rovampera/Jonne Halttunen (Skoda Fabia R5 Evo), 21’26,5” (1.º RC2)

 

Geral após 10 especiais – 1.º, Ott Tanak/Martin Jarveoja (Toyota Yaris WRC), 1.55’34,5”; 2.º, Jari-Matti Latvala/Mikka Antilla (Toyota Yaris WRC), a 5,1”; 3.º, Kris Meeke/Sebastian Marshall (Toyota Yaris WRC), a 18,4”; 4.º, Thierry Neuville/Nicolas Gilsoul (Hyundai i20 Coupé WRC), a 23,7”; 5.º, Sébastien Ogier/Julien Ingrassia (Citroen C3 WRC), a 25,6”; 6.º, Esapeka Lappi/Janne Ferm (Citroen C3 WRC), a 1’37,5”; 7.º, Teemu Suninen/Marko Salminen (Ford Fiesta WRC), a 1’46,6”; 8.º, Gus Greensmith/Elliott Edmondson (Ford Fiesta WRC), a 2’22,9”; 9.º, Elfyn Evans/Scott Martin (Ford Fiesta WRC), a 4’59,9”; 10.º, Kalle Rovampera/Jonne Halttunen (Skoda Fabia R5 Evo), a 6’09,4” (1.º RC2)

Partilhe

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificação