Arranques ditaram fim-de-semana de Gui Gomes

Foram mais de 200 os pilotos que marcaram presença este fim-de-semana no Crossódromo Solmoto MX Park em Totana, nos arredores de Múrcia. O jovem piloto sourense viu-se e desejou-se para superar as inúmeras dificuldades nesta prova, mas já está focado no próximo compromisso.

(auto.look2010@gmail.com)

A segunda jornada do Campeonato de Espanha de Motocross, destinada às classes jovens contou com cerca de 70 participantes inscritos na categoria de 65cc. Entre alguns portugueses inscritos nesta competitiva classe, estava uma vez mais o pequeno Guilherme (Gui) Gomes aos comandos da bem preparada KTM SX65.

No dia de sábado, o piloto GDentalig teve pela frente os treinos livres e os cronometrados. Alinhando no Grupo A e com o 12.º tempo, Gui Gomes já na qualificação viria a garantir um dos principais objectivos: o acesso às tão desejadas finais. Ainda no dia de sábado e já na primeira final, depois de um arranque menos conseguido, o piloto KTM teve que realizar uma manga de trás para a frente, não indo além do 34.º posto.

Já no domingo e devido ao estado enlameado do traçado em alguns pontos da pista, a equipa optou por não realizar o warm-up, esperando que a pista secasse. Apesar de tudo, a derradeira manga desta competição acabou por ser um “déjà-vu” do dia anterior. Problemas na volta inaugural e uma necessidade redobrada para sair do fundo do pelotão. Sofrendo nova queda quando ocupava a 28.ª posição, Gui Gomes viria a carimbar o 35.º lugar final.

«Este fim-de-semana acabei por ter muitas dificuldades em ambos os arranques. Muitos pilotos, uma saída estranha e a realidade é que tive algum receio. Os regos estavam muitos fundos, alguma lama na pista e as quedas pagam-se caro. Tinha ritmo para melhor, no entanto foi impossível um bom resultado aqui em Múrcia. Há muito trabalho pela frente e é nisso que nos vamos focar na próxima semana. Aproveito para agradecer ao Tiago Almeida pelo excelente trabalho na minha moto e a todos os patrocinadores por acreditarem neste projecto», comentou Gui Gomes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *